Sobre a Fundação SCP

A Humanidade, em seu estado atual, existe a cerca de um quarto de milhão de anos, mas somente os últimos 4,000 tiveram qualquer significância.

Então, o quê fizemos durante quase 250,000 anos? Nos amontoamos em cavernas, em torno de pequenas fogueiras, com medo das coisas que não entendíamos. Era mais do que explicar por quê o Sol nascia, era o mistério de pássaros enormes, com cabeças de homem e pedras que ganhavam vida. Então nós os chamamos de ‘deuses’ e ‘demônios’, implorando que eles nos poupassem e rezando por salvação.

Após um tempo, seus números baixaram e os nossos cresceram. O mundo começou a fazer mais sentido quando tinham menos coisas a temer, no entanto, o inexplicável nunca irá realmente desaparecer, como se o universo exigisse o absurdo e impossível.

A Humanidade não deve voltar a se esconder com medo. Ninguém vai nos proteger, devemos lutar por nós mesmo.

Enquanto o resto da humanidade vive sob a luz, devemos viver na escuridão para combatê-la, mantê-la e protegê-la de olhos públicos, para que os outros possam viver em um mundo normal, seguro e são.

scp-logo-signature.png
Nós obtemos. Nós contemos. Nós protegemos.

– O Administrador


Nossa Missão

Operando clandestinamente e mundialmente, a Fundação opera além da jurisdição, empoderada e confiada por todos os principais governos nacionais, com a tarefa de conter objetos, entidades e fenômenos anômalos. Estas anomalias representam uma ameaça significativa para a segurança global, por ameaçar danos físicos ou psicológicos.

A Fundação opera para manter a normalidade, para a população civil mundial poder viver suas vidas diariamente sem medo, desconfiança ou dúvida em suas crenças pessoais, e para manter independência humana de influências extraterrestres, extradimensionais e outras influências extranormais.

Nossa missão é tripla:

Obter

A Fundação obtém anomalias, com o objetivo de prevenir que elas caiam em mãos de civis ou agências rivais, por meio de observação e vigilância extensiva, e agindo para interceptar tais anomalias nas primeiras oportunidades.

Conter

A Fundação contém anomalias com o objetivo de prevenir que suas influências ou efeitos sejam espalhados, realocando-as, escondendo-as ou desarmando-as, ou prevenindo disserminação pública do conhecimento das mesmas.

Proteger

A Fundação protege humanos dos efeitos de tais anomalias assim como as próprias anomalias até o momento em que ela são completamente compreendidas ou novas teorias científicas podem ser elaboradas baseadas em suas propriedades e comportamento. A Fundação também pode neutralizar ou destruir anomalias como uma opção de último recurso, se estas forem determinadas sendo mundo perigosas para ser contidas.

Operações da Fundação

Operações secretas e clandestinas da Fundação são executadas mundialmente em busca das nossas missões primárias.

Procedimentos Especiais de Contenção

A Fundação mantém uma extensiva base de dados de informações sobre anomalias que requerem Procedimentos Especiais de Contenção, comumente referidos como "SCPs" (Special Containment Procedures). A base de dados primária da Fundação contém sumários de tais anomalias e procedimentos emergenciais para manter ou reestabelecer contenção segura, no caso de uma brecha de contenção ou outro evento.

Anomalias podem tomar outras formas, seja um objeto, uma entidade, uma localização ou um fenômeno livre. Estas anomalias são categorizadas em uma de várias Classes de Objeto, e, ou são contidas em uma das inumeráveis Instalações Seguras da Fundação, ou são contidas em sua própria área, se realocação for dita inviável.

Segurança Operacional

A Fundação opera com o máximo de sigilo. Todos os funcionários da Fundação precisam observar os Níveis de Credenciais de Segurança, assim como informações selecionadas e compartimentalizadas. Funcionários descobertos violando os protocolos de segurança da Fundação serão identificados, detidos e sujeitos à ação disciplinar.

Agências Rivais e Grupos de Interesse

A Fundação não é a única organização com conhecimento de, capacidade de interagir com, e utilizar anomalias. Enquanto alguns desses Grupos de Interesse tem objetivos similares e muitos cooperam conosco em questões de segurança global, muitos outros são oportunistas e orientados à lucro, buscando adaptar ou usar anomalias para seus próprios fins. Funcionários da Fundação são instruídos a tratar individuais de tais grupos com suspeita em todos os momentos, e colaboração com tais grupos sem o consentimento prévio explícito de líderes da Fundação será justa causa para terminação ou outra ação disciplinar.

Salvo indicação em contrário, o conteúdo desta página é licenciado sob Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License