Um FAQ; Ou, O Que Diabos É Um Hume?
avaliação: +2+x

P: Então, o que diabos é um Hume?

R: Uma boa pergunta! Um Hume é uma forma de determinar a força e/ou a quantidade de realidade em uma determinada área. Agora, você pode ter problemas com a realidade sendo medida dessa maneira, e certamente é um conceito difícil de entender. Uma das melhores analogias que pode ser usada para explicar isso funciona assim: imagine que tudo no universo é coberto por uma fina camada de areia. Este é o nível de base da realidade-um Hume. Quando parte da areia é removida, por qualquer meio, há menos areia, e o nível de realidade cai. Agora, esta explicação é altamente simplista, mas ajuda a introduzir o conceito e dá uma bela representação visual. Então, usando essa analogia, Humes só medem a quantidade de areia em uma área. Está claro?

P: Mas como definimos essas coisas? Elas são em relação a que?

R: Outra boa pergunta! Cada medição tem que ser definida em relação a algo, então idealizamos uma maneira de criar uma linha de base para os Humes. Nós criamos duas realidades de bolso, cada uma contendo Âncoras de Realidade Scranton que mantêm os níveis de Hume em um nível arbitrariamente alto e baixo. Esses níveis foram designados 100 e 0, respectivamente. É desses universos de bolso que surgem as medições de Hume.

P: Então, como os Humes são medidos?

R: Por meio do Contador de Kant! Um contador de Kant consiste em dois portais para os universos de bolso discutidos acima. Usando-os como base, o nível de Hume de uma área localizada pode ser medido.

P: Brilhante! Onde está o seu Nobel?

R: De acordo com a política da Fundação, o compartilhamento/reconhecimento externo de nosso trabalho é impossível. Mas não tenha medo! Fomos recompensados de formais mais do que adequada e, além disso, recentemente obtivemos uma decisão muito favorável do Comitê de Ética autorizando uma missão para acelerar o progresso de pesquisadores externos no mesmo caminho que nós; o que significa que os Humes podem estar presente no mundo em apenas alguns anos!

P: Como os Humes podem me ajudar?

R: Se você trabalha com muitos dobradores de realidade ou SCPs baseados em dobra de realidade, você está com sorte.

Primeiramente, dobradores de realidade. Essas pessoas têm um efeito duplo na realidade. Em primeiro lugar, a realidade que os cerca é geralmente um pouco menos real do que o normal. Em segundo lugar, seus níveis pessoais de Hume são um pouco mais altos do que o normal. A magnitude do primeiro e do segundo estão, é claro, relacionadas ao poder relativo do dobrador em questão. Normalmente, um dobrador de realidade de baixo nível opera com cerca de 75-80/130-150 (nível de Hume da área circundante/nível de Hume do indivíduo; isso será usado para todos os exemplos futuros.) Especialmente no caso de dobradores de baixo nível, deve-se usar de extrema discrição para evitar um falso positivo em dobradores de realidade, visto que essas leituras podem flutuar em humanos normais. Para obter mais informações consulte esta palestra sobre dobradores de realidade. Ela é uma grande ajuda. Dobradores de realidade poderosos, entretanto, normalmente operam com cerca de 40</>300, indicando uma grande capacidade de moldar a realidade. Digno de nota é SCP-343. Diferentemente de todos os outros dobradores de realidade, esse objeto não exerce qualquer influência sobre a realidade externa. No entanto, sua leitura interna de Hume é astronomicamente alta, registrando uma média de 860 Humes (média de sete testes diferentes; mais em andamento.) Isso indica muitas coisas, todas as quais estão sendo acaloradamente debatidas pelos pesquisadores que estudam SCP-343. Por fim, considere o caso de SCP-239. Ao contrário de muitos dobradores de realidade poderosos, onde as leituras de área de efeito, e internas e externas de Hume são bastante grandes, SCP-239 tem uma peculiaridade incomum. Sua área de efeito é bem baixa; apenas se estendendo até sua linha de visão e/ou imaginação (o que, embora aparentemente lhe dê uma área infinita de efeito, está limitada ao que ela pode de fato imaginar e, portanto, pode normalmente ser descartado com contenção adequada.) No entanto, suas leituras são de 30/500, concedendo-lhe uma capacidade quase ilimitada de moldar sua realidade local como ela queira. Como no caso de 343, o significado, a causa e os procedimentos de contenção estão sendo amplamente debatidos.

Humes também podem ser aplicados a anomalias não humanas. Por exemplo, pegue SCP-2464. A medição de Humes dentro da anomalia, bem como em SCP-2464-2, confirmou inequivocamente a hipótese sobre a anomalia, (consulte o adendo para obter mais informações,) permitindo uma contenção mais eficaz. Como outro caso, pegue SCP-668. Essa ferramenta aumenta perpetuamente as leituras de Hume dentro de um metro ou mais dela em aproximadamente vinte Humes quando não está ativa. Quando ativa, o nível de Humes sobe para níveis astronômicos (>670 Hm) em todos os contadores de Kant que estejam medindo, e teoriza-se que esse efeito se estenda por todo o espaço conhecido. Após percebermos isso, 1) uma contenção mais eficaz para SCP-668 foi implementada e 2) o monitoramento imediato de todos os contadores de Kant foi iniciado para servir como um sistema de alerta para a existência de quaisquer outras anomalias semelhantes. Por fim, pegue o exemplo de SCP-2000. Para facilitar a contenção, Âncoras de Realidade Scranton foram construídas e postas em ação. Antes disso, não se sabia como ou por que as Âncoras de Realidade operavam. Agora, sabemos como as Âncoras funcionam (mantendo a realidade local em 20 Hm constantes) e por que funcionam (de acordo com a metáfora da areia, funciona assim: elas drenam areia de universos diferentes e não essenciais para manter o suprimento de areia na nossa estável. Não é nada assim, mas a metáfora meio que se sustenta).

P: Por último, mas não menos importante, quem são vocês dois?

R: Doutores James Caldmann e Carlos Rzewski.

Perguntas? Confusão? Acusações? Venha para o FAQ 2, o Boogaloo Elétrico, onde todas as suas perguntas relacionadas a Humes serão respondidas!

Salvo indicação em contrário, o conteúdo desta página é licenciado sob Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License