SCP 4309
avaliação: 0+x

Item nº: SCP – 4309

Classe do Objeto: Keter/Apollyon

Procedimentos Especiais de Contenção: SCP-4309 deve ser mantido em uma cela de 4m x 9m x 12m, com paredes feitas de concreto e revestimento externo de aço, com uma espessura total de 2 (dois) metros em todas as paredes e no teto, com o local refrigerado a uma temperatura de -23ºC. É necessário que o SCP-4309 esteja acorrentado, para que evite uma possível quebra de contenção.
Não é permitido a entrada de qualquer funcionário, desde que seja autorizado pelo O5-█. Para obter acesso a cela do SCP-4789, é necessário, além da autorização, que o funcionário seja de nível 4, para cima.

Para entrar na cela, o funcionário receberá três senhas para as três portas de titânio. A primeira porta possui cerca de 1 (um) metro de espessura, sendo movida por pistões, para sua abertura. A segunda porta possui cerca de 0,5 (zero vírgula cinco) metros de espessura, assim como a terceira. O acesso a cela exige que o funcionário utilize um traje especial antichamas e resistente ao frio, e cada passo deve ser dado meticulosamente. Para sair da cela, basta dizer a palavra █████ ou apertar o botão vermelho ao lado da porta.
Para casos extremos, o local conta com um sistema de Retenção Emergencial de Oxigênio (REO), para enfraquecer o objeto.

Qualquer foto, vídeo, rumor, teoria e apresentações sore o SCP-4309 deve ser apagada, queimada, excluída e abolida de qualquer região. O país que mencionar o caso do SCP-4309 pode receber severas sanções e duras multas, já que o detalhamento e anúncio do objeto poderia trazer pânico mundial e tensão generalizada.
Tais procedimentos foram tomados, para que SCP-4309 não escape nunca mais de sua cela. Caso escape desta vez, sua categoria deve ser elevada para apollyon imediatamente.
Descrição: Inicialmente, aparentava ser calmo, mas que, após longos e arriscados meses de estudos, descobriu-se que é altamente volátil. O SCP-4309 é um ser de aparência humanoide, musculoso, de 6 (seis) metros de altura, e poliglota (se comunica em 8 línguas diferentes, incluindo português e croata).

O ser, de origem desconhecida, foi descoberto na Austrália, quando bombeiros apagavam um grande incêndio na área sul do país. Os bombeiros encontraram um corpo que, aparentemente, estava desgastado, mas que estava gerando pequenas fagulhas ao respirar. Ao relatarem o caso a órgãos governamentais, a Fundação foi chamada imediatamente.
Sua aparência é semelhante a de um ser humano do sexo masculino, mas não possui órgãos genitais entre suas coxas. O SCP possui um par de asas com uma envergadura de 4 (quatro) metros, indo de uma ponta de uma asa até a outra, consegue manipular facilmente qualquer elemento que gere ou esteja pegando fogo, podendo guiá-lo para qualquer direção, e pode gerar fogo por conta própria. Medições de temperatura realizadas anteriormente revelaram que as temperaturas chegam na casa dos 12000 ºC.

Em um desses testes, o SCP-4309 conseguiu sair da contenção. Uma das soluções para ser derrotado, foi utilizar água, mas não surtiu efeito. Também foi criado um plano de emergência para poder “criogenizar” a criatura com nitrogênio líquido, mas a tentativa também foi falha. A última e mais absurda hipótese foi posta em prática: Utilizar uma câmara de vácuo. O plano funcionou com sucesso. As pessoas que viviam próximas ao trajeto do SCP-4309, foram evacuadas dias antes da aparição do objeto, com o mesmo sendo contido novamente após ser aprisionado na câmara, que cobriu uma região de 12 quilômetros de extensão. O objeto perdeu força e desmaiou, sendo levado para o local de contenção, que teve aprimoramentos drásticos.
Após sua contenção, ocorreram inúmeras tentativas de entrevistas, mas somente três obtiveram informações consideradas “oficiais”.

Em uma das 3 (três) pequenas entrevistas realizadas com o ser alado, o mesmo havia citado que preferia ser chamado de “O Ser”, e que está no planeta Terra para “acabar com um problema, uma doença”. Na mesma entrevista, o SCP-4309 citou que está aqui também para “encerrar a existência de SCP-04█”, citando que a tal “cura” desse SCP nunca foi válida, e que a sua seria “capaz de erradicar o problema que assola a humanidade, de forma eficaz.” *Ler adendo*
Após a finalização das perguntas, o entrevistador, o Dr. █████ ████████, foi carbonizado instantaneamente, após SCP-4789 assoprar furiosamente, por medo de que contasse outros detalhes. O Ser não sabia que estava sendo gravado.

Diante das respostas obtidas em tal entrevista, uma equipe de seis agentes, constituídos por 4 (quatro) agentes de nível 4 e 2 (dois) agentes de nível 3, se separaram em buscas de respostas para o que SCP-4309 citou na entrevista. Os agentes de nível 4 conversaram com o SCP-04█, e não obtiveram nenhuma informação que o relacionasse com o SCP-4309.
Os agentes de nível 3 vasculharam arquivos relacionados com o SCP-04█ e, atualmente, encontra-se nenhum adendo relacionado ao SCP-4309 também. A investigação foi dada como encerrada.
O SCP encontra-se acorrentado por grandes correntes feitas de chumbo nas pernas, nos braços e na cintura.

Adendo SCP-4309-01: Boa noite. Estive visualizando incessantemente a entrevista do Dr. █████ ████████, com o SCP e, infelizmente, fiquei sabendo que o doutor faleceu por incineração. Nunca imaginei tamanha frieza e ferocidade vinda de um objeto.
Mas, o que me intrigou não foi a morte do meu colega de trabalho, mas sim a informação que ele conseguiu extrair daquele monstro. A frase “O rapaz do capuz negro não é o que ele diz ser.” não me sai da cabeça. O que ele quis dizer com isso?

Eu sei que parece certo ele estar falando sobre o SCP-04█, e ocorreu uma investigação, mas nada relaciona ambos, o que é estranho. Isso seria uma rivalidade ou uma indicação de que uma guerra possa estar por vir se ambos saírem da contenção?
Será necessário mais entrevistas e mais investigações, mesmo que mais pessoas morram.

Fim do relato.

Salvo indicação em contrário, o conteúdo desta página é licenciado sob Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License