Transcrição de uma palestra dada pelo Professor ████████████ sobre Operações Taumicas.
avaliação: 0+x

"Vejo que minha pequena declaração da última vez chamou a atenção de todos. Vamos começar."

"Toda operação taumática, seja realizada usando olho de salamandra ou um computador desktop, tem quatro componentes: a Fonte, o Formador, o Alvo e o Dissipador. Você pode pensar neles como os componentes de uma arma de fogo: a Fonte é o propelente que impulsiona todo o processo. O Formador é o cano e a câmara de disparo que direciona a força da explosão. O Alvo é a bala que desce pelo cano, o efeito que você está tentando realizar. E, finalmente, o Dissipador consiste nos mecanismos de compensação de recuo."

"Há, é claro, um quinto componente que não é uma parte real da operação: o Praticante. Esse seria você, o dedo que puxa o gatilho."

"Vejo que estou começando a perder a atenção de alguns de vocês, então, por favor, dirijam sua atenção aqui."

"Sabia que isso chamaria a atenção de vocês."

"O que vocês estão vendo não é apenas uma orgia, mas a fonte de uma operação taumá— sim, ela tem seios impressionantes, e—"

<pausa>

"Tenho a atenção de vocês de novo? Obrigado."

"Como eu estava dizendo, o que vocês estão vendo é a fonte de uma operação taumatúrgica. Se lembrem do que eu disse antes sobre a Altura da Radiação de Aspecto: Agudo é criativo, enquanto Plano é destrutivo. E há poucos atos mais criativos do que o ato de reprodução… ou mais destrutivos do que o ato de homicídio."

"… Vou lhes dar outro momento."

"Certo, vamos continuar."

"Os exemplos que acabei de mostrar a vocês são extremos, mas também são exemplos claros de dois tipos muito extremos diferentes de Fontes taumatúrgicas. Em cada caso, o praticante estava tentando "modificar" a sua fonte de energia em direção ao Agudo ou ao Plano. Que tipo de operação você acha que eles estavam tentando realizar?"

"… na verdade, não. Em ambos os casos, o praticante estava tentando realizar a mesma operação: a saber, a criação de uma Inteligência Construída… ou invocar um demônio, como era dito nos velhos tempos. Em ambos os casos, o propósito final do ritual foi fortemente voltado para Agudo, ou criação. A diferença estava em quão paciente o praticante estava ao estabelecer sua Fonte."

"Se lembram do que eu disse sobre Reação? Quando uma operação é realizada, o excesso de energia ricocheteia no tecido da realidade e ricocheteia de novo… em uma Altura e Tom opostos. O Tom geralmente é fácil para o praticante moldar a partir da fonte… o que é difícil de moldar é a Altura. Esta última operação começou com uma Fonte que estava com Altura fortemente Plana: destrutiva. A energia foi então canalizada em uma simples operação de Tom baixo: o círculo de luz que vocês vêem aparecendo ao redor dos pés do praticante. A energia restante reagiu em uma Altura oposta: Fortemente Aguda e Tom oposto: Alto Ébano, fortemente criativa e gritante. A energia foi então recapturada e trabalhada no feitiço final. Os taumatologistas chamam isso de Rebote de Speckmann."

"Permitam-me mostrar a vocês um exemplo de uma operação real da Divisão de FÍSICA. Uma Equipe de Assalto, equipada com tecnologia de Geração Atual está invadindo a casa de um taumaturgo rebelde. As Equipes Alpha a Delta fornecem segurança de perímetro, enquanto a Equipe Echo atua como elemento de assalto. O líder da Equipe Echo entra na área da operação e descobre a seguinte cena: Duas pessoas tendo relações sexuais, uma delas é o Tipo Azul. Do outro lado da sala, uma entidade ectomórfica Classe 9 está tomando forma. Enquanto isso, as paredes estão começando a acender em chamas. Você é o líder da Equipe Echo. O que você faz?"

"Exterminar o Tipo Azul? Essa é uma opção… mas a operação já está em andamento. Há uma grande quantidade de Radiação de Aspecto livre sendo gerada. Se você exterminar o agente controlador… bem, a menos que você seja um Tipo Azul, você vai acabar no lado errado de uma grande quantidade de EVE selvagem. E esse não é um bom lugar para se estar."

"Exterminar o ectomorfo? Eu mencionei que ele era um Classe 9 não era? E que a equipe tinha Tecnologia Gen +0? Não é uma proposta vencedora."

"O que o agente da Equipe Echo fez, em vez disso, foi exterminar o parceiro sexual do Tipo Azul. O agente reconheceu que a Fonte da operação era da mesma Altura que o Alvo… ou seja, ambos Agudos, ou criativos. Ele então mudou a energia da Fonte poderosamente para Plano… para destruição. O resultado final perturbou o ectomorfo ainda em formação e fez com que a operação falhasse. Também teve o efeito colateral de criar uma névoa que apagou as chamas causadas pela reação. Por outro lado, isso resultou na maior parte da equipe precisando de tratamento para queimaduras de vapor."

"Sim, senhor, você tem uma pergunta?"

<pausa. audiência ri.>

"… Na verdade, eu não acho essa pergunta particularmente engraçada. Para falar a verdade, o cavalheiro teve um bom argumento. Se a fonte tivesse sido um sacrifício humano, um método para interromper a operação poderia ter sido introduzir uma energia fortemente aguda na operação: e sim, suponho que fazer amor dentro da área da Fonte teria funcionado. Por outro lado, duvido que qualquer homem… ou mulher, por falar nisso… poderia ser heroico o suficiente para manter a excitação na presença de um ectomorfo hostil de Classe 9 rapidamente se formando… ou habilidoso o suficiente para concluir a tempo de interromper a operação. Nesse caso, uma resposta melhor seria interromper a operação inicial que está sendo usada para mudar a Altura do feitiço: o Rebote de Speckmann. Destrua os dissipadores de calor ou as fontes de luz que estão sendo energizadas para criar a reação."

"Alternativamente, você poderia empurrar o praticante original para a área-alvo e exterminá-lo lá, introduzindo um surto de Radiação de Aspecto Plano no circuito após o Rebote. Eu conheço pelo menos uma equipe que lidou com uma operação desagradável dessa maneira. Mas isso tem a desvantagem de não deixar ninguém para questionar depois."

"Na prática, é claro, a maioria dos taumaturgos modernos prefere usar Fontes menos dramáticas para suas operações, principalmente porque a maioria das operações que realizamos não exigem uma Altura tão drástica, mas também porque aprendemos técnicas para alterar a altura de uma operação com mais precisão: elas são menos eficientes do que o Rebote de Speckmann, mas muito mais controláveis. A Fonte mais comum que os taumaturgos usam hoje em dia, na verdade, é uma simples gota de sangue: o sangue tem altura razoavelmente neutra, e pode fornecer um pouco de EVE se de Fonte correta. Para níveis de energia mais altos, tem o Ressonador Everhart. A taxa de conversão de eletricidade em Radiação de Aspecto é ineficiente e ainda requer um taumaturgo como catalisador, mas ainda é a maneira mais conveniente de gerar altos níveis de EVE."

"Por exemplo: uma simples operação de aportação, como aquela que transportou seu esquadrão aqui, exigiria trinta sacrifícios humanos… ou uma orgia de uma hora com mais de cem participantes. Suponho que isso seria mais divertido assistir do que um Resonador Everhart girando lentamente por alguns minutos… mas não exatamente o que se pode pedir a qualquer momento."

"Faremos uma pausa final pra janta e, quando voltarmos, encerrarei minha palestra e responderei a todas as perguntas restantes que vocês possam ter."

Série de Seminários de Taumatologia
« Radiação de Aspecto | Voltar à Central da GOC | Perguntas e Respostas »

Salvo indicação em contrário, o conteúdo desta página é licenciado sob Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License