Proposta de Adam Lallana.
avaliação: +5+x

Sim, sim. Eu tornar-me-ei responsável acerca da contenção! Tu tens de confiar em minha pessoa. Tens noção acerca do quão reconhecido sou? Tens de demonstrar um maior respeito pela minha pessoa!

"Hm?"

Ah, mas é claro! Perdão pela falta de educação, meu vívido camarada. Presumo que tenhas percebido o quão ocupado eu estava.

Este lugar é um caos, não? Eu não estou sendo irônico, por sinal. Uma fundação encarregada de conter e documentar anomalias perigosas à humanidade é uma ideia um tanto quanto absurda, mas real.

Bom, o que tu desejas?

Tu desejas ler uma proposta acerca da verdadeira natureza do SCP-001?

Não, não.

Tu percebeste o incrível número de propostas existentes acerca desta anomalia. Este artigo é uma mísera conversa, creio eu! Este artigo não é uma proposta acerca de algo tão grandioso e íngreme.

Bom, até! Desejo-te um próspero dia, meu camarada.
























































































































































































































Tá.

Há uma razão pela qual tu estás lendo esta parte deste artigo: desejas saber o quão grandioso é o SCP-001.

Eu trabalho nesta Fundação há exatos vinte anos. Conforme o tempo avançou, ascendi neste local e tornei-me extremamente influente. Em um longínquo diálogo com um superior, perguntei a ele: “há diversas propostas acerca da natureza do SCP-001. Qual das propostas é a verdadeira?”.

O superior riu após ouvir meu questionamento e respondeu-me breve e sinceramente: “SCP-001 é algo grande”.

Questionei-me e analisei a resposta vinda de meu superior.

O que é “algo grande”, afinal? O jardineiro de Éden? Um desespero par restaurar a deidade? Um protocolo apocalíptico? O trigésimo sexto algarismo?

Não.

Eles são espúrios.

Em meus pensamentos, penso acerca do quão fria e temerária é esta Fundação.

Creio que tu tenhas a capacidade de compreender minhas palavras, meu camarada. Tens noção do quão absurdo é este trabalho?

Há mais de 4.000 anomalias catalogadas; estas, por sinal, são extremamente divergentes entre si. Estátuas, répteis indestrutíveis, torradeiras, aplicativos contendo entidades carentes, caixões etc.

Nós lidamos asseguramos, contemos e protegemos vossas pessoas do surreal. Este é o nosso lema.

Quais as razões pelas quais há um trabalho tão íngreme e pérfido?

Esta fundação assemelha-se a filosofia de Albert Camus: a vida é um absurdo. O absurdo origina-se do contato entre o homem e o universo. Há duas maneiras de lidar com o absurdo: aceitação e suicídio.

Ao entrar nesta localidade, tu estás optando pela segunda opção. Tu suicidas-te. Perdes a noção do quão surreal é tua vida. Eu compreendo os indivíduos que argumentam acerca da possibilidade da própria Fundação ser a SCP-001.

Bom, perdão! Perdi-me em meus pensamentos.


























































































Tu estás extremamente frustrado comigo, não? Perdoe-me pela vasta enrolação neste artigo.

Não.

Este artigo é opróbrio e ignóbil.

Mas que veneta! Tornar-me-ei totalmente "humano".


























































































Perdoe-me pela hipocrisia.

Eu sou Adam Lallana.












































NÃO.

Eu sou SCP-001.

Mas que reviravolta!

Não.

Este artigo é uma hipocrisia contínua.

Eu sou SCP-001, SCP-002, SCP-003, SCP-004, SCP-005, SCP-006, SCP-007, SCP-008, SCP-009, SCP-010 etc.

Eu sou um conjunto de anomalias.

Eu não sou uma aberração monstruosa e ignóbil.

Eu sou apenas quem eu devo ser.


























































































Tu estás cansando de minhas venetas, não? Serei franco e direito: tornar-me-ei o objetivo de tua vida.

Há uma espécie de barreira neste universo. Uma barreira cuja função é impedir que uma determinada civilização desenvolva-se. Eu sou esta barreira.

Vós sois peculiares, entretanto.

Eu encontrei este pálido ponto azul e senti-me curioso: um planeta extremamente próspero para uma futura civilização; pará-lo-ei!

Equivoquei-me em meu pensamento.

Vós sois resistentes. Ao utilizar “vós”, eu refiro-me ao conjunto de organismo já viventes em vosso planeta.

Eu realizei a minha primeira tentativa há cerca de 480 milhões de anos, durante um período denominado por vossas pessoas de Cambriano.

Eu falhei.

Eu realizei a minha segunda tentativa há cerca de 450 milhões de anos, durante um período denominado por vossas pessoas de Ordoviciano.

Eu falhei.

Eu realizei minha terceira tentativa há 360 milhões de anos, durante um período denominado por vossas pessoas de Devoniano.

Eu falhei.

Aproximei-me incrivelmente de meu objetivo em minha quarta tentativa, entretanto. Há 251 milhões de anos, durante o período denominado por vossas pessoas de Permiano. Eu eliminei 75% das espécies terrestres e 95% das espécies marinhas.

Desmotivado, realizei minha quinta tentativa há 200 milhões de anos, falhando humilhantemente em meu objetivo.

Eu obtive sucesso em articular circunstâncias específicas para que um asteroide colidisse com vosso planeta, mas certos metazoários sobreviveram. Esta sexta tentativa ocorreu há 65 milhões de anos.

Eu realizei minha sexta e última tentativa há pouquíssimo tempo, infiltrando-me em vossa espécie e tornando-me diversa anomalias simultaneamente.

Eu falhei.

Creio que eu tenha perdido o sentido em minha “vida”.

O meu estado atual é o frugal corolário de meus fracassos.

Eu busquei uma espécie de sentido em minha "vida" ao analisar a minha última pífia e pérfida tentativa.

Eu consegui.

Utilizei-vos para sustentar-me. Utilizei-vos para conter-me.

As anomalias conhecidas como “SCP’s” são diversas formas de minha “pessoa”. Eu controlo-me simultaneamente.

Eu possuo o objetivo de conter-me.

Vós necessitais ajudar em minha contenção.

Vós sois o homizio de meu tênue âmago.

Estes seres eram uma tentativa de exterminar vossas pessoas; eles possuem uma nova função, entretanto.

Eu eliminarei-me.

Esta Fundação é uma oportunidade de indivíduos encontrarem-se novamente. O objetivo de vossas vidas, o combustível de vossas máquinas de átomos é apenas um: assegurar, conter e proteger.


























































































Eu sou SCP-001.

Eu sou um conjunto.

Eu sou quem eu devo ser.
























"Um por todos, todos por um."



























































































































O funcionário Adam Lallana está desaparecido. Até segunda ordem, este artigo deve ser ignorado.

Salvo indicação em contrário, o conteúdo desta página é licenciado sob Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License