Razões de Segurança
avaliação: 0+x

Ato II - Cena I

Interior do Sítio-96. Várias mesas e cadeiras estão espalhadas, na esquerda do palco, e três portas de celas estão na extremidade, à direita. Alguns funcionários Classe-D estão sentados nas cadeiras, jogando cartas e conversando.

Michael Handler chega correndo da direita do palco e, de forma errática, conduz os funcionários Classe-D a deixar a área, alguns saindo do palco pela esquerda, e alguns, incluindo D-411, voltando para suas celas. D-411 em particular entra na porta do meio e sai do palco. Michael então se vira e fica de frente para o fundo do palco, no momento em que um pequeno grupo de repórteres chega, acompanhado por Chandler Wentworth. Entre esses repórteres estão Bertrand Gumpel, Sasha Bloom e Natasha Fliers.

MICHAEL
Ah, vocês chegaram bem a tempo do tour! Por favor, deixem suas câmeras… prontas! Temos muito a ver.

CHANDLER
Vamos lá! Não há tempo a perder!

NATASHA
Sim, por favor. Estávamos esperando há quase quarenta minutos fora do prédio enquanto Sr. Wentworth aqui nos avaliava sobre nossas vidas pessoais.

CHANDLER
Na verdade, isso foi necessário por alguns motivos. Nós abrigamos muitas anomalias meméticas aqui no Sítio-96 e tínhamos que garantir que ninguém fosse particularmente suscetível a riscoscognitivos e semelhantes. Vocês devem se lembrar de eu perguntando se alguém era um terceiro irmão entre quatro, por exemplo. Não podemos deixar ninguém com essa descrição entrar dentro do edifício, ou ele pode se tornar o próximo "Servo Real de Lorenzo".

SASHA
Isso for humilhante! E ele insistiu que escrevêssemos a coisa mais pessoal que pudéssemos pensar em uma notinha, ou não poderíamos entrar!

CHANDLER
Sinto muito por isso, Sra. Bloom, mas na verdade, precisávamos disso para as Vespas.

SASHA
As vespas?

CHANDLER
Nosso sítio também abriga um ninho de vespas leitoras de mentes que podem perscrutar as profundezas de sua mente e transmiti-las para o mundo ouvir. E quando elas não são alimentadas, aquelas idiotas amam narrar tudo e qualquer coisa. Por sorte, em troca de nossa conformidade com suas necessidades dietéticas muito restritivas, elas concordaram em dar a cada pessoa no prédio um incidente ou tópico específico sobre o qual jamais narrarão.

SASHA
Você ainda estava revisando os cartões! E… quer saber, você sabe o meu, então qual é o seu? Acho que mereço saber isso.

CHANDLER
(nervosamente)
Aha, eu… o meu é… bastante pessoal. Melhor seguirmos em frente, sim? Michael?

MICHAEL
Sim… embora eu odeie adicionar mais trabalho às suas agendas já muito ocupadas, mas preciso que cada um de vocês pegue um destes…


Michael entrega a cada repórter um pedaço de papel e uma caneta.

MICHAEL
Eles são formulários de não divulgação razoavelmente padrões. Eles afirmam que vocês terão a permissão para comaprtilhar qualquer informação que coletarem neste tour, desde que vocês a passem por mim ou por um de meus associados primeiro.

NATASHA
Sr. Handler, você não acha um pouco estranho aplicar NDAs em um tour voltado para aliviar a suspeita de culpa?

MICHAEL
Eu… nós… é por razões de segurança.

NATASHA
Certo… "razões de segurança".

MICHAEL
(risada nervosa)
Sim! Razões de segurança.

NATASHA
(cruzando os braços)
"Razões de segurança?"

MICHAEL
Bem… eu… vocês podem só assiná-los quando o tour acabar! Vamos começar já, vamos?


Michael começa a lentamente ir pra frente do palco, com o grupo de repórteres logo atrás. os repórteres observam seus arredores, com Natasha tendo um interesse particular na área, ficando para trás para a parte de trás do grupo, onde Chandler está, enquanto eles andam pra frente do palco.

MICHAEL
Este é o nosso andar de operações principal. A maior parte de nossos funcionários trabalham aqui, e ele também abriga…


Michael gesticula em direção à esquerda do palco, passando pelas mesas e cadeiras.

MICHAEL
O refeitório integrado do Sítio-96! Aqui, as anomalias não-hostis residentes podem comer e conversar com membros de nossos funcionários Classe-D como se fosse qualquer refeitório escolar comum. É uma das muitas coisas que diferenciam o Sítio-96 da maioria dos Sítios da Fundação. Nossa diretora, Laura Knight, acredita que as anomalias merecem ser tratadas com o mesmo respeito que qualquer outra pessoa, desde que devidamente acompanhadas, é claro.

NATASHA
Desculpe, você disse "Funcionários Classe-D"? O que é isso, uma classificação de funcionários?

MICHAEL
(nervoso)
Eu… err… uhhh… sim! Essencialmente! É… um pouco difícil de explicar, talvez devêssemos apenas continuar o tour!


Michael, em um tipo de pânico, rapidamente conduz o grupo para segui-lo, enquanto ele continua pela frente do palco e então para a direita do palco. Quando ele sai do palco e os repórteres o seguem, Chandler puxa Natasha para o lado, longe do grupo.

CHANDLER
Ei, Sra. Fliers, grande fã, eu assisto seus noticiários todas as sextas!

NATASHA
Sinto muito, tem algum motivo para isso? Eu gostaria de acompanhar o resto do grupo.

CHANDLER
Desculpe, eu só queria responder sua pergunta. Eu sei que Michael estava sendo breve porque ele está sob muito estresse agora. Como você deve ter visto, ele não é o melhor em público-

NATASHA
Por favor, eu não preciso de uma tonelada de informações, só me diga o que você vai me dizer e vamos alcançar o grupo.

CHANDLER
Bem, o programa dos funcionários Classe-D é realmente uma coisa ótima! A Fundação encontra pessoas que se meteram em situações realmente dificeis e as ajuda a dar-lhes um novo propósito na vida, trabalhando para nós!

NATASHA
Que tipos de situações difíceis? Tipo, desabrigados?

CHANDLER
Bem… mais ou menos. Principalmente prisões, na verdade.

NATASHA
Prisões? Tipo, os membros de sua equipe são condenados?

CHANDLER
Eles não são reeeealmente funcionários, por assim dizer, eles são mais… prisione- não, desculpe, não deveríamos… eles são ajudantes de laboratório.

NATASHA
Whoa whoa, prisioneiros? Vocês tem prisioneiros humanos aqui?

CHANDLER
(vacilando em suas palavras)
Não! Quero dizer, sim… mas eles são bem tratados! Quero dizer, a menos que não devam ser, para o teste, mas apenas para o teste! E é tudo pelo bem maior! Da ciência, quero dizer. Ah, e da humanidade. Ciência pela humanidade! Heh…

NATASHA

CHANDLER
(vacilando em suas palavras)
Olha, estou estragando a explicação, vá perguntar a um deles. Eles devem ser alguém em uma dessas jaulas… quero dizer, celas… quero dizer… salas? Salas. Quero dizer… não, não fale com eles, eles provavelmente estão ocupados… ahhhh, quer saber, eu só vou voltar pro grupo. Sinto muito. Só… me siga de volta. Ou não, se não quiser. Quero dizer, queira, mas… eu… ok, tchau!


Chandler, tendo se envergonhado completamente, corre para fora do palco na mesma direção que Michael e o grupo de tour foram. Natasha fica sozinha, perplexa, antes de caminhar hesitante até a porta mais próxima e espiar dentro. Ela então anda para a porta de D-411 e olha para dentro, antes de bater.

NATASHA
Olá? Tem alguém aí?

D-411
(de fora do palco)
Não não não, eu já cumpri minha cota de testes do dia, peça ao Slip para fazer isso. Ele não faz nada desde segunda!

NATASHA
Eu não sou um funcionário. Estou com a imprensa.

D-411
(de fora do palco)
Você o que?


D-411 sobe no palco e olha pela porta do outro lado.

D-411
O que você quer dizer que você está com a imprensa?

NATASHA
Meu nome é Natasha Fliers, eu represento o noticiário do Canal 12.

D-411
Essa operação toda não está em segredo?

NATASHA
A Fundação SCP está aos olhos do público há quase uma semana.

D-411
Uau. Isso é… Cristo, isso é um grande negócio, não é?

NATASHA
Sim, e… sinto muito, quem é você?

D-411
O nome é D-411.

NATASHA
É um prazer… você disse "D-411?"?

D-411
(sussurrando)
Se quiser, pode me chamar de Glenn, mas não deveria usar meu nome verdadeiro aqui.

NATASHA
Glenn, você é um membro da Classe-D?

D-411
Você não consegue dizer pelo fato de que meu nome começa com a letra D? E então, números?

NATASHA
(rabiscando algo em seu bloco de notas)
Glenn, por que você e eu não temos uma conversinha? Tenho algumas perguntas que gostaria de fazer a você.

D-411
(alegremente)
Pergunte a vontade, não tenho nada melhor para fazer.

NATASHA
Perfeito. Vamos começar.


Apagão.

Fim Da Cena

« Ato I - Cena VI | Demasqed | Ato II - Cena II »

Salvo indicação em contrário, o conteúdo desta página é licenciado sob Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License