SCP-015-IT
avaliação: +2+x
uomo_nero_cam.jpg

SCP-015-IT, registrado por uma das câmeras posicionadas pela FTM-IV durante operações de captura.

Item nº: SCP-015-IT

Classe do Objeto: Euclídeo

Procedimentos Especiais de Contenção: SCP-015-IT está contido em uma cela padrão para humanoides no Sítio Vittoria e está mantido sob vigilância por um sistema de câmeras e sensores infravermelhos; a sala e os corredores adjacentes devem ser pintados de branco e devem ser mantidos bem iluminados. Duas vezes por dia, um porco (Sus domestica) deve ser introduzido na cela para manter SCP-015-IT alimentado.
Funcionários designados para SCP-015-IT devem receber avaliações psicológicas semanalmente e devem trocar de turno a cada 3 meses.

Descrição: SCP-015-IT é uma entidade humanoide por volta de 1,9 metros de altura, com pele sem pelos capaz de absorver 98% de luz incidente. Sua face não apresenta nariz ou orelhas externas, e seus olhos podem emitir luz devido à fotocélulas localizadas em sua íris. A boca possui 8 dentes afiados em cada mandíbula, enquanto a língua (28 cm de comprimento) é bifurcada; em ambos os pontos há duas agulhas ocas diretamente conectadas ao esôfago. Os braços de SCP-015-IT são desproporcionalmente longos quando comparados ao corpo e as mãos terminam com quatro garras. Fisicamente, SCP-015-IT apresenta uma massa muscular reduzida; além disso, é surpreendentemente forte e pode facilmente dominar um humano adulto. SCP-015-IT é extremamente resistente a danos físicos e pode rapidamente curar-se de feridas e danos a órgãos internos.

SCP-015-IT é ativo predominantemente durante a noite e alimenta-se exclusivamente de adrenalina e noradrenalina produzida por mamíferos, com uma preferência por presas humanas. Para alcançá-los, SCP-015-IT desenvolveu um método de caça visando a assustar seu alvo o máximo possível: normalmente, esconde-se em lugares escuros, tentando não ser visto, e vigia sua vítima. Caso não seja visto, SCP-015-IT esperará até que sua presa esteja distraída e aproxima-se silenciosamente, antes de agarrá-la e mordê-la de lado. A mordida não é destinada a matar a vítima, mas a usar os dentes grandes como âncoras enquanto a língua avança e afunda diretamente na glândula adrenal1; o sangue rico em adrenalina é aspirado por uma das agulhas, enquanto a segunda expele-o com a adição de um sedativo leve. Isso permite que SCP-015-IT mantenha sua presa imóvel sem gastar muita energia e que fique em repouso após sua refeição.

Observação prolongada de SCP-015-IT causa deterioração psíquica em sujeitos expostos, com alucinações visuais e auditivas, ataques de pânico, e, em indivíduos mais sensíveis, dano ao sistema cardiovascular; os primeiros sintomas aparecem após duas semanas, mas este tempo é reduzido caso SCP-015-IT não se alimente regularmente; a causa deste fenômeno é atualmente desconhecido, mas é teorizado que é um método para dilacerar presas vulneráveis que poderiam ser caso contrário muito fortes ou agressivas.

Relatório de descoberta: SCP-015-IT foi capturado em 22/05/2012, após a polícia de [DADOS EXPURGADOS], na província de Caserta, receber diversos relatos de ataques de "vampiro". Sítio Vittoria enviou a FTM-IV ("Pugnus Ferri") para lidar com a ameaça. Devido à sua agilidade inesperada e sua coloração que permitiu que se escondesse em áreas escuras, SCP-015-IT conseguiu evitar captura até que foi injetado com um transmissor que permitiu que a Fundação rastreasse sua posição. Quando foi cercado, SCP-015-IT reagiu com violência imprevista e foi capaz de matar █ soldados e ferir ██ antes de ser subjugado.

Adendo SCP-015-IT-a: Durante seu tempo disfarçado no lugar onde SCP-015-IT foi encontrado, o agente ███████ entrou em contato com um membro da Confraria dos Cavaleiros de São Jorge. Em um encontro entre dois agentes, foi revelado que a Confraria capturou SCP-015-IT, mas tal escapou aproximadamente dois meses antes de ser contido pela Fundação. Após receber esta informação, o Diretor do Sítio Vittoria solicitou e obteve documentos da CCSJ referentes a SCP-015-IT. As trechos mais relevantes são apresentadas abaixo.

Salvo indicação em contrário, o conteúdo desta página é licenciado sob Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License