SCP-024-FR
avaliação: +2+x

Item nº: SCP-024-FR

Nível de Ameaça: Amarelo

Classe do Objeto: Seguro

Procedimentos Especiais de Contenção: Objeto deve ser mantido sob um domo de vidro selado em todos os momentos, em uma sala de 2x2x2.5 metros, ajustada com uma câmara de ar despressurizante. Caso o domo de vidro seja danificado, um indivíduo Classe-D equipado com um traje hazmat deverá entrar na sala para determinar o dano, afim de ter o domo de vidro substituído o mais rápido possível. Reparos leves como selagem de rachaduras ou aplicação de resina não devem ser considerados suficientes, e podem ser executados apenas à pedido de funcionários Nível 2 por um período de tempo limitado.

O vetor exato por qual SCP-024-FR afeta seres humanos ainda é desconhecido, qualquer funcionário afetado deve ser restringido imediatamente por uma camisa de força e posto em uma cama hospitalar padrão, sob supervisão médica permanente. Sua mandíbula deve ser mantida fechada à força.

Desde o Incidente 024-FR-21, funcionários não são permitidos a permanecerem na câmara de contenção mais que 20(vinte) minutos, independente da proteção que estiverem usando.

Descrição: SCP-024-FR aparenta ser um sanduíche de presunto parisiense, apresentando um tamanho largo, com um diâmetro estimado em 35cm e um comprimento de 20cm. Observar o objeto não tem efeito, contanto que seja mantido sob seu domo de vidro selado. Portanto, é suposto que o efeito seja devido um cheiro ou patógeno não-transmissível infectando o sujeito, designado SCP-024-FR-1.

O processo descrito no Registro de Experiência 024-1 é engatilhado à primeira exposição ao objeto. O sujeito sentirá uma necessidade urgente de engolir SCP-024-FR de uma vez, independente do dano físico que tal ação causaria. Um lado do sanduíche é coberto com uma toalha de papel padrão, que não apresenta o nome de qualquer restaurante ou marca. Em vez disso, uma inscrição lê "Vai em frente, Vc pode Totalment inguli Iss", e, mais em baixo, "Já Somos Gostosos?". Portanto, o objeto é suspeitado de ser ligado ao Grupo de Interesse pseudoartístico Já Somos Maneiros?. O objeto foi encontrado caído em uma lixeira de um beco em ██████, próximo ao corpo de um morador de rua que aparentava ter [DADOS EXPURGADOS] sua própria mandíbula.

Desde 17/08/2012, por ordem do Comitê de Ética (Carta 024CE65, arquivada), é proibido expor qualquer ser humano a SCP-024-FR. Isto limita o conhecimento atual sobre os efeitos da anomalia (tentativas de expor animais foram malsucedidas). Este documento é baseado nas circunstâncias de sua recuperação e no seguinte registro de experimento:

Adendo 024-21: Um incidente envolvendo Dr. Lears levou a reavaliação dos procedimentos de contenção atuais para SCP-024-FR e novos procedimentos estão sob revisão. Por enquanto, é proibido expor funcionários mais que o necessário, e apenas como parte de experimentos construtivos aprovados por pelo menos um funcionário Nível 2. A única descrição disponível do incidente vem do gravador pessoal de Dr. Lears. Transcrição da gravação está anexada a este documento como Registro de Incidente 024-LEARS-A8.

Registro de Experiência 024-1, 14/08/2012: Primeira e última tentativa de exposição de um Classe-D a SCP-024-FR.

D-0568 não está usando proteção e foi equipado com uma escuta para receber instruções de pesquisadores, que estão monitorando a sala pela câmera de segurança. Entretanto, o procedimento consistiu de mandar o sujeito Classe-D para a câmara de contenção sem precauções para exposição. T=0 designa o momento onde D-0568 começa a mostrar interesse em SCP-024-FR e não deve ser considerado preciso sem testes aprofundados.

T=-2min23: D-0568 entra na câmara e se aproxima do domo de vitro sob onde SCP-024-FR está mantido, esperando instruções.

T=-1min57: D-0568 remove o domo de vidro e o bota no chão. D-0568 não exibe comportamento notável e parece entediado.

T=-0min00: D-0568 mostra um interesse aguçado no objeto. Ele se agacha, como se estudasse seu comprimento.

T=-2min06: D-0568, agora, toma medidas com suas mãos, visivelmente comparando seu comprimento, largura e especialmente seu diâmetro.

T=-3min11: D-0568 aparenta estar divagando em uma reflexão intensa, comparando as medidas do objeto com sua mandíbula. Dr. Baltin solicita a cessação imediata do experimento. Negado.

T=-3min24: D-0568 está segurando o objeto e tenta inseri-lo em sua boca, sem sucesso. O diâmetro do objeto é demasiadamente grande para sua mandíbula. Dr. Baltin é dispensado deviso à sua inabilidade de se manter calmo.

T=-3min48: D-0568 apresenta sinais de confusão. Ele tenta abrir mais sua boca, com a assistência de suas mãos, tentando combinar com as medidas do objeto.

T=-4min12: D-0568 segura seu maxilar inferior com uma mão e seu maxilar superior com a outra, apresentando sinais de esforço intenso. Dr. Laurent é dispensado pela sua inabilidade de se manter calmo.

T=-5min06: D-0568 conseguiu quebrar sua mandíbula. Sujeito aparenta sofrer a níveis normais para uma fratura óssea, com lesões importantes de tecido facial. SCP-024-FR não aparenta anestesiar o sujeito. Dor aumenta enquanto ele tenta, sem sucesso, inserir o objeto na abertura. Apesar da dor e perda de sangue, D-0568 aparenta estar determinado. Dr, Harlow é dispensado pela sua inabilidade de cessar seus pedidos de terminação do sujeito.

T=-5min46: Sujeito morre por resultado de suas lesões, seguindo ablação completa de seu maxilar inferior. É de se notar que o objeto não mostrou danos após a tentativa de D-0568 de consumi-lo.

Trecho do Registro de Incidente 054-LEARS-A8, 02/01/2013

"[…]Entretanto, parece que o objeto foi projetado de uma forma estética, atestando à implicação de "Já Somos Maneiros?" tanto quanto suas habilidades, mesmo que o objeto não tenha efeitos meméticos como esses idiotas estão acostumados. Perguntei à Agente Dears, ela é uma especialista. De acordo com ela, o objeto combina com o modo de operação deles, um tipo de crítica de hiperconsumismo. Mas ela não entende como isso funciona mais que nós. Vou conferir skips ligadas a esse Grupo de Interesse após o intervalo. Talvez nós vamos entender porquê esses bobos torturam a si mesmos por esse sanduíche. Isso é incrivelmente doentio. O que havia de errado com eles… aliás, francamente, é tipo… do tamanho do meu punho? Quase? Ha, um pouco mais. Enfim, com esse tamanho… Mesmo que não seja tão grande assim, não sei o que estavam pensando… E a gente só precisa… Esse lado parece mais fino… Só precisa… Abrir… Um pouco mais… Abrir. Um pouco… Mais… […]"

Salvo indicação em contrário, o conteúdo desta página é licenciado sob Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License