SCP-1041
avaliação: +1+x

Item nº: SCP-1041

Classe do Objeto:: Euclídeo-alterius

Procedimentos Especiais de Contenção: SCP-1041 é mantida em uma Cela de Contenção Humanoide Tipo 2 no Sítio 17 e recebe rações conforme o Esquema Dietético AHF4. Certas identidades de SCP-1041 requerem consideração especial; consulte o Documento 1041-5C para obter mais informações.

Qualquer documentação da vida de SCP-1041 antes de sua recuperação deve ser confiscada, com todos os não-funcionários que afirmam ter conhecido SCP-1041 recebendo Amnésticos C-1041 a fim de remover toda e qualquer memória do objeto. Quando apropriado, documentação e/ou memórias falsas devem ser fabricadas e fornecidas.

Esforços para obter mais evidências das narrativas descritas no Documento 1041-5A estão em andamento.

Descrição: SCP-1041 é uma mulher humana de 56 anos de idade que não apresenta propriedades físicas anômalas, recuperada em 3 de julho de 2012. O objeto está com boa saúde física, exceto pela falta do polegar esquerdo.

No momento da escrita, cento e dezenove narrativas da vida de SCP-1041, apoiadas por documentação confiável e depoimentos de testemunhas, foram compiladas; mais trinta e cinco narrativas provavelmente existem, mas atualmente carecem de documentação confiável. Esta é considerada a propriedade anômala primária de SCP-1041. Essas narrativas costumam ser contraditórias — por exemplo, a Narrativa 019 envolve SCP-1041 frequentando aulas na Univerdade de Harvard em 1977, enquanto a Narrativa 044 coloca SCP-1041 na Prisão Central de Vladimir na mesma época. Todas as narrativas levam em consideração a falta de um polegar esquerdo.

SCP-1041 adotará uma identidade, conjunto de memórias e personalidade consistentes com uma narrativa por período acordada,1 e negará qualquer conhecimento ou história pessoal inconsistente com essa nova identidade.2 SCP-1041 passa por cento e cinquenta e três identidades em sequência, cada uma das quais corresponde a uma das narrativas mencionadas acima, antes de retornar à "primeira" identidade. Essas identidades são denominadas SCP-1041-001 (a identidade apresentada na data de recuperação de SCP-1041) a SCP-1041-153. Evidências indicam que SCP-1041 não exibia este comportamento antes da recuperação.

Um ou ambos os pais ou responsáveis de SCP-1041 foram localizados em noventa e nove casos. Todos deram relatos em sua maior parte consistentes com as memórias de SCP-1041 de sua infância, incluindo, quando aplicável, seu nascimento em 8 de março de 1957 aproximadamente às 0933 GMT. Testes parentais localizaram noventa e oito mulheres e oitenta e quatro homens que são geneticamente compatíveis para ser os pais de SCP-1041. Nenhum desses indivíduos é geneticamente relacionado entre si; a probabilidade de que cada casal produziria por acaso uma prole idêntica a de todos os outros casais é infinitesimal.

Adendo: As seguintes identidades de SCP-1041 são consideradas notáveis. Para ver o restante, consulte o Documento 1041-5A.

Designação da instância Aspectos Notáveis
014, 015 Acredita-se que os objetos eram gêmeos monozigóticos; no entanto, testes de amostras de DNA recuperadas mostraram uma ausência de variações no número de cópias que são normalmente encontradas em gêmeos monozigóticos. Ambos se recusam a acreditar que o outro é outra identidade de SCP-1041, embora nenhum tenha sido capaz de explicar o porquê. Ambos SCP-1041-014 e -015 perderam o polegar esquerdo em incidentes não relacionados em 18 de agosto de 1994.
019 SCP-1041-019 perdeu ambas as pernas em um acidente de carro em 1966. Durante a adoção dessa identidade por SCP-1041, ela não moverá nenhuma das pernas, apesar de ser fisicamente capaz de fazê-lo, mesmo sob coação. Tempo insuficiente se passou desde a recuperação de SCP-1041 para determinar se terapia pode reverter essa condição.
067 Objeto era um membro de alto escalão do sindicato criminoso █████████████ de 1988 a 1997. Investigações indicam que SCP-1041-067 redirecionou uma parte significativa dos recursos de █████████████ para destruir registros aparentemente não relacionados mantidos por múltiplas agências governamentais e instituições acadêmicas. SCP-1041-067 tem sofrido de amnésia retrógrada e anterógrada após uma aparente tentativa de assassinato em 2011, dificultando uma investigação mais aprofundada.
081 SCP-1041-081 foi empregada pela Insurgência do Caos por quatorze anos. Embora as responsabilidades exatas do objeto não sejam conhecidas pela Fundação, a formação educacional do mesmo é mais adequada para emprego como físico teórico.
127 SCP-1041-127 afirma possuir "poderes psíquicos", supostamente permitindo que o objeto se comunique com seus "eus passados". Testes mostraram que o objeto pode possuir uma capacidade limitada de acessar informações possuídas por outras identidades de SCP-1041. Investigações indicam que SCP-1041-127 pode ter possuído essa habilidade desde a idade adulta.
154 Foi determinado que o objeto morreu em 2 de janeiro de 1999 de câncer de pulmão e não está entre as identidades exibidas por SCP-1041. Registros policiais mostram que o corpo de SCP-1041-154 foi roubado de sua sepultura em 15 de julho de 2012 e não foi localizado.
Salvo indicação em contrário, o conteúdo desta página é licenciado sob Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License