SCP-105
avaliação: +2+x
2014-07-18%2022.41.47.jpg
SCP-105-B

Item nº: SCP-105

Classe do Objeto: Seguro

Procedimentos Especiais de Contenção: SCP-105 foi implantado com um aparelho de rastreamento e se localiza atualmente na Site-17. SCP-105 é atualmente autorizado privilégios de socialização de Classe 3 (restrito) com pessoal aprovado do site, garantido pelo bom comportamento e cooperação com pessoal da Fundação.

A câmera pessoal de SCP-105 (designado SCP-105-B) está contido em uma caixa de depósito seguro na Site-19 na Instalação de Armazenamento de Itens de Alto Valor. Defesas de ação positiva padrões (explosivas, químicas, biológicas e meméticas) são para ser aplicadas sempre quando SCP-105-B estiver contido.

SCP-105 e SCP-105-B ou qualquer outra câmera são somente para entrar em contato quando permitido pelo pesquisador chefe atual.

Descrição: SCP-105 (anteriormente conhecida como Iris Thompson) é uma fêmea humana de ascendência Européia. Arquivos indicam que SCP-105 nasceu em ████, fazendo dela ██ anos de idade na data de aquisição. Ela tem cabelo louro e olhos azuis e, no momento desde artigo, tem 1.54 metros de altura e pesa 50 quilogramas. Ela não aparenta ter nenhuma característica física fora do ordinário e aparenta ser, para todos os efeitos, um ser humano normal e saudável.

SCP-105-B é uma câmera "Polaroid One Step 600", manufaturada em 1982. SCP-105-B e não aparenta ter nenhuma características físicas fora do comum e aparenta ser, para todos os efeitos, uma câmera polaroide normal, operando normalmente com todas as pessoas, menos por SCP-105.

Quando SCP-105 segura uma foto tirada por SCP-105-B, a fotografia muda de uma imagem estática, para uma imagem em tempo real do local em questão. SCP-105 é também capaz de alcançar pela foto e manipular objetos dentro do alcançe do ponto original de onda a fotografia foi feita. Pessoas testemunhando essa manipulação relatam ver uma mão feminina flutuante (determinada a pertencer à SCP-105) passando por um portal invisível e realizando as ações indicadas. SCP-105-B e suas fotografias não apresentam nenhuma propriedade incomum quando usadas por outra pessoa.

SCP-105 demostra habilidade limidada de manipulação de objetos através de outras fotografias, mas possui ótimo controle quando usando fotos tiradas por SCP-105-B. Até agora SCP-105 só foi capaz de avançar com suas habilidades, significativamente, ao usar fotografias tiradas por SCP-105-B.

Apêndice 1: Circunstâncias da Aquisição: SCP-105 foi trazido para os olhos da Fundação pouco após o assassinato de seu namorado. SCP-105 afirma estar no celular com a vítima na hora de seu assassinato, levando-a a se apressar para se encontrar com ele; todavia, gravações telefônicas não correspondem com sua história, tornando-a suspeita do assassinato. SCP-105 informou seu advogado que ela, na verdade, testemunhou o assassinato por uma fotografia que ela havia tirado de seu namorado a alguns dias. O procurador em questão descartou a história em questão e recomendou que a pessoa se declarasse culpada. SCP-105 recusou em fazer e, subsequentemente, contou sua história na corte, oferecendo para demonstrar suas habilidades. Isso acarretou contato com a Fundação.

A sujeito foi imediatamente contida pela Fundação. Pessoal da Fundação recuperou SCP-105-B da casa de SCP-105 (substituindo com um modelo idêntico),e devolveram para ela. Os país de SCP-105 foram informados que ela foi morta durante uma fuga mal sucedida de outro paciente enquanto ambos estavam sobre custódia da Instalação de Cuidado Psiquiátrico █████████ ██████.

Apêndice 2: Trecho de um Registro da Entrevista 105-08-4426, datada de ██/██/████

<Início do Registro>

Dr. █████: Por favor dê uma breve introdução pessoal, incluindo data e local de nascimento e seu nome.

SCP-105: Okay… Meu nome é Iris Thompson, eu nasci em Phoenix, Arizona, em 12 de Maio de ████.

Dr. █████: Excelente. Primeira pergunta, quando você tomou ciência de suas habilidades?

SCP-105: Não tenho certeza, mas eu acho que foi por volta dos dez, onze anos. Eu me lembro ver uma do mar, e ter notado que as ondas tinha começado a se mexer.

Dr. █████: Como foi a reação de seus país quando os contou?

SCP-105: Eles só falaram que eu tinha uma imaginação fértil demais.

Dr. █████: Quando descobriu que podia manipular objetos através de fotografias?

SCP-105: A primeira vez foi quando eu tinha… uns onze, talvez doze. Estávamos em uma viagem de família no Grand Canyon. Eu estava olhando o álbum de recordações depois de chegarmos em casa e, sem querer, esbarrei em uma. Quando isso ocorreu, eu empurrei uma pedra no precipício, fazendo cair dentro do cânion; eu até consegui ouvir ela batendo enquanto caía todo o caminho.

Dr. █████: Intrigante, prossiga.

SCP-105: Eu fiquei fascinada com fotografia depois disso. Na maioria das vezes não funcionava com as fotos que eu tirava, mas meus país me deram uma Polaroid One Step 600 — Estava implorando desdo Natal. <SCP-105 começa a sorrir.> Depois de conseguir a câmera, as fotos ficaram… mais fáceis de se mexer.

Dr. █████: Essa câmera a qual se refere é 105-B? Sua câmera pessoal.

SCP-105: Sim senhor.

Dr. █████: Em quantas fotografias você consegue se focar? Isto é, ao mesmo tempo.

SCP-105: Já consegui chegar a até dez de uma vez com a minha câmera, mas estou certa de que conseguirei mais com o passar do tempo.

Dr. █████: Qual é sua impressão da Fundação até agora?

<SCP-105 fica em silêncio.>

Dr. █████: Por favor responda. Nós não nos ofendemos por isso.

SCP-105: É tipo… Uma nova prisão, um novo diretor, novos guardas. Mas, eu sei que é o melhor que poderia ter acontecido comigo.

Dr. █████: Você foi extremamente cooperativa durante o seu tempo aqui.

SCP-105: EU sou uma pessoa bem comportada. E eu também gosto de fazer os experimentos. Algumas dessas coisas com as fotos, que eu nunca iria ter pensado.

Dr. █████: Você sabe porque estou te fazendo essas perguntas, Iris?

SCP-105: Não senhor.

Dr. █████: Nós estamos formando uma programa especial. Se ele passar, você vai ser, ocasionalmente, permitida de deixar o Site e ir para o o mundo exterior. Tudo o que nos pedimos em troca são alguns favores. Interessada?

<Fim do Registro>

Adendo 3: Histórico de Serviço com o Mobile Task Force Omega-7(MTFO-7):

SCP-105 foi o segundo SCP humanoide a ser recrutado para o MTFO-7, sob a Iniciativa "Caixa de Pandora". Diferente da "Equipe Abel" (associada com SCP-076-2), que fora atribuído à operações de ataque e captura, "Equipe Iris" tem como missão primária o reconhecimento e aquisição de inteligência. "Equipe Iris" já participou de mais de vinte missões em cooperação com a Comissão Bowe. Essas missões foram completadas com precisão e sem nenhuma ocorrencia.

O primeiro incidente disciplinar envolvendo SCP-105 ocorreu na mudança nos padrões das missões da missões da Equipe Iris de reconhecimento para trabalho sujo. SCP-105 se opôs violentamente ao uso de suas habilidades para assassinatos, até mesmo após membros da Comissão Bowe tentarem repetidas vezes faze-la cooperar (ver Registro de Entrevista 105-21-6543).

Durante os eventos, SCP-105 se tornou emocionalmente abalada e tentou convencer o pessoal da Fundação que seus traços anormais haviam desaparecido. Dr. D███████ apresentou um relatório recomendando que SCP-105 fosse reclassificado como Neutralizado, sofresse tratamento amnesiático e liberada no mundo, sendo monitorada regularmente. Essa recomendação foi negada.

Após a ocorrência, Dr. D███████ auxiliou SCP-105 em uma fuga de contenção visando escapar a custódia da Fundação. Essa fuga foi mal sucedida e SCP-105 foi re-contida (ver Incidente X45-Site-17).

Investigações determinaram que Dr. D███████ havia encorajado intencionalmente SCP-105 a afirmar a perda de suas habilidades anormais. SCP-105 re- demonstrou suas habilidades em troca de restauração de privilégios limitados.

Após o fim da Iniciativa "Caixa de Pandora" todos times MTFO-7 foram dissolvidos e SCP-105 foi retornada à Site-17. Graças ao riscos de segurança que ela representa e sua atual falta de utilidada,SCP-105 não é permitida acesso a SCP-105-B.

Toda informação subsequente sobre a Task Force Omega-7 foi selada por ordem da Administração de Segurança sobre Arquivos e Informações.

Diretor ██████ ███, Administração de Segurança sobre Arquivos e Informações

Adendo 4: NOTIFICAÇÃO ESPECIAL RE: Status Atual de CContenção

Após Incidente R1300-Site-17, muitos relatórios formais e informais foram entregues sobre o tópico de SCP-105 e sua suposta conexão à Mobile Task Force Alpha-9.

Esses relatórios constituem uma séria quebra na segurança. Toda informação sobre a Mobile Task Force Alpha-9 é restrita. Toda informação sobre a atual pesquisa nas características anormais de SCP-105 também é restrita. Todos os relatos e rumores sobre qualquer incidente ou uso recente de SCP-105 como um recurso da Fundação são para ser considerados categoricamente falsos, e devem ser relatados para a Administração de Segurança sobre Arquivos e Informações.

Diretor █████ █████, Administração de Segurança sobre Arquivos e Informações

Salvo indicação em contrário, o conteúdo desta página é licenciado sob Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License