SCP-126-PT
avaliação: +6+x
blank.png
ReiQuebraNozes

SCP-126-PT recém instalado em sua cela de contenção.

Item nº: SCP-126-PT

Classe do Objeto: Seguro

Procedimentos especiais de contenção: SCP-126-PT deve ser mantido em uma sala de dimensões 3 m x 3 m x 3 m, posicionado de frente à entrada. Esta sala está decorada com alusão a um quarto de um monarca medieval1, segundo requisitado por SCP-126-PT. A superfície interna de sua cela de contenção deve ser revestida de espuma acústica, a fim de atenuar eventuais efeitos sonoros nocivos.

Ao menos uma vez ao mês, e apenas sob o consentimento de SCP-126-PT, um funcionário Classe D deverá utilizar o objeto para descascar uma noz comum, para que o mesmo mantenha sua sensação de utilidade e, consequentemente, sua estabilidade emocional.

Descrição: SCP-126-PT é uma ferramenta de madeira conhecida como "Quebra-Nozes", construído à semelhança de um Kaiser2alemão. Sua aparência faz alusão a uma vestimenta semelhante às vestes utilizadas entre os anos de 1871 e 1888, com detalhes em plástico e acabamento em dourado. Apesar de incapaz de se deslocar, o objeto possui capacidade de mover sua mandíbula e seu braço esquerdo livremente. Apresenta sapiência, além de demonstrar personalidade caracteristicamente arrogante e esnobe, frequentemente desdenhando de funcionários da Fundação. Os únicos indivíduos prezados pelo objeto até o momento são os que demonstram algum nível de respeito, admiração ou devoção pela anomalia.

O objeto demonstra ser capaz de emitir ondas sonoras da cavidade sob sua mandíbula móvel. SCP-126-PT já foi registrado emitindo ondas sonoras de intensidade crescente, cuja potência máxima ainda é indeterminada, pois o objeto frequentemente emitiu ondas sonoras cuja intensidade superava o máximo registrado até o momento. Alguns meses após sua contenção, foi visto que o objeto possui capacidade de criação de matéria, que demonstrou pela criação de uma pequena peça de ouro. Além disto, a anomalia tem a característica de tornar animados objetos "Quebra-Nozes", anteriormente não-anômalos, como registrado no evento que deu origem a SCP-126-PT-1.

SCP-126-PT-1 é um objeto "Quebra-Nozes" adquirido pela Fundação em uma loja de antiguidades na cidade de [REDIGIDO], próxima ao Sítio PT-██. O objeto não apresentava nenhuma característica anômala, até o momento em que foi posicionado em uma mesa, próximo a SCP-126-PT, em 18/05/2015. A partir deste momento, SCP-126-PT-1 desenvolveu sapiência e habilidade de movimentar-se. Divergindo de SCP-126-PT, a aparência de SCP-126-PT-1 é notadamente inspirada em nos trajes utilizados por volta de 1806 por soldados de infantaria da Baviera. Sua personalidade também diverge de SCP-126-PT, pois este demonstra humildade e servidão a SCP-126-PT.

Adendo I - Descoberta: O objeto foi descoberto em 14/03/2012 por uma operação da Força-Tarefa Móvel PT62-ρ "Assusta-Espíritos", na qual se investigava rumores de manifestação espiritual em uma antiga mansão abandonada em Ouro Preto, Minas Gerais. SCP-126-PT foi encontrado no quarto principal da residência, próximo a SCP-125-PT, SCP-███-PT e SCP-███-PT. Durante seu transporte, SCP-126-PT fez extensas exigências sobre suas futuras acomodações.

Adendo II - Eventos Relevantes:

15/03/2012: O objeto foi encaminhado ao Sítio PT-██. Neste mesmo dia, foi conduzida uma entrevista pelo Dr. Manuel Corrino. A entrevista está transcrita e anexada a este documento como Registro de Entrevista 001.

13/04/2012: SCP-126-PT emite periodicamente guinchos agudos, de intensidade crescente, posteriormente estimados entre 85 e 150 dB. Funcionários ao alcance do som relataram desconforto prolongado por até 78 horas após o ocorrido. O indivíduo D-902357 foi enviado ao interior da sala de contenção de SCP-126-PT, onde foi desenvolvido um diálogo entre ambos. Neste diálogo, foi exigido pela anomalia que fosse utilizado para descascar quatro nozes de alta qualidade. Tais nozes foram obtidas no armazém da instalação. D-902357 executou a tarefa, sendo em seguida dispensado pelo objeto. Tanto as nozes descascadas quanto os detritos resultados da operação do objeto não apresentaram nenhuma característica anômala. D-902357 foi instruído a realizar a limpeza dos detritos e se retirar da sala.

09/05/2012: D-902357 foi novamente encaminhado à sala de contenção de SCP-126-PT, portando duas nozes. A quantidade de nozes foi reduzida para avaliar a reação da anomalia. O objeto permitiu-se ser utilizado, e demonstrou agrado quando tratado honrosamente por D-902357. O objeto pareceu não se importar com a quantidade de nozes utilizadas.

11/05/2012: Durante a madrugada, é captado um rangido vindo do interior da cela de SCP-126-PT, presumidamente proveniente de sua mandíbula. Um funcionário adentrou a cela, e, após um curto diálogo, o objeto revelou estar ansioso quanto a algum evento futuro o qual ele não especificou.

07/06/2012: D-902357, pela terceira vez, é encaminhado à cela de SCP-126-PT, portando uma noz. Antes de utilizá-lo, D-902357 pede permissão formalmente à anomalia, com uma reverência, e o objeto demonstra-se lisonjeado pela cortesia. Ao utilizar o objeto, no lugar de uma noz, após a ruptura da casca revelou-se em seu interior uma pequena joia dourada no formato de uma gota. O objeto afirmou que a joia era uma compensação pelos serviços de D-902357.

08/06/2012: Doutor Corrino conduz uma entrevista com SCP-126-PT. Esta entrevista revela que SCP-126-PT já tinha conhecimento de sua capacidade de criação de matéria. Entretanto, o objeto recusou-se a revelar a origem ou extensão desta capacidade anômala.

O procedimento atual é revezar mensalmente cinco indivíduos Classe D que são encaminhados à cela de SCP-126-PT, a fim de evitar o estabelecimento de qualquer nível mais profundo de vínculo emocional com o objeto. O período de 08/06/2012 a 13/05/2015 decorreu sem fatos relevantes.

14/05/2015: Durante a utilização mensal de SCP-126-PT, o objeto relata frustração. Questionado por D-511980, ele expressa seu desejo de "refazer seu reinado". O objeto exige que seja presenteado pelo indivíduo com um boneco de madeira do tipo "Quebra-Nozes", semelhante a ele, mas esculpido com características de um soldado medieval.

18/05/2015: D-511980 foi encaminhado à sala de SCP-126-PT portando um "Quebra-Nozes" de madeira semelhante a um soldado e uma noz. O objeto trazido por D-511980 foi posicionado à mesa, próximo a SCP-126-PT. Instantes após seu posicionamento, o novo objeto começou a vibrar intensamente, rompendo a base de madeira e desenvolvendo movimento livre pela mesa. Ao se tornar animado, o objeto prostra-se numa profunda reverência a SCP-126-PT. O novo objeto foi posteriormente nomeado SCP-126-PT-1. Após a animação de seu novo súdito, SCP-126-PT soou uma intensa gargalhada. O Registro de Evento 104 transcreve o áudio captado nesta ocasião.

Salvo indicação em contrário, o conteúdo desta página é licenciado sob Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License