SCP-155
avaliação: +2+x
scp155-1_th.jpg

Uma placa processadora não anômala removida de SCP-155.

Item nº: SCP-155

Classe do Objeto: Seguro

Procedimentos Especiais de Contenção: SCP-155 é contido em uma câmara de contenção tratada termicamente e protegida contra radiação no Sítio ██. Documentação recuperada e o compilador, o qual sofreu engenharia reversa, para SCP-155 estão disponíveis para todos os funcionários com autorização suficiente no servidor de arquivos seguro no Sítio ██, mas execução de programas em SCP-155 devem apenas ser realizadas com permissão anterior de pelo menos dois (2) Pesquisadores Senior de Nível 3. Favor ver Documento 155-EXEC-1 para procedimentos de segurança térmica e radioativa para a operação segura de SCP-155.

A partir do Incidente 155-08, experimentação no SCP-155 foi suspensa pendendo descontaminação da anterior câmara de contenção de SCP-155 e relocação para uma nova câmara de contenção. Todas as tarefas pretendidas para execução em SCP-155 devem ser triplamente checadas para prevenir a possibilidade de execução sem interrupção.

Descrição: SCP-155 é um complexo construto eletrônico consistindo em um supercomputador Cray CS6400 altamente modificado, um gerador termoelétrico à base de radioisótopo dedicado, e um dispositivo que ainda tem de sofrer total engenharia reversa. SCP-155 foi recuperado do porão do laboratório de pesquisa primário dos Laboratórios Prometeu por membros da Força-Tarefa Móvel Mu-4 (“Depuradores”) seguindo a destruição da instalação e subsequente intervenção da Fundação.

Quando um programa e dados acompanhantes são carregados a SCP-155 e executados, SCP-155 gera um campo de distorção temporal esférico com um raio de aproximadamente 5 m. Dentro desta esfera a influência da passagem do tempo é acelerada rapidamente, resultando em um aumento hiperbólico no poder de processamento efetivo de SCP-155. Execução começa lenta devido ao hardware de processamento datado de SCP-155, mas seu poder de processamento efetivo aproxima-se ao infinito após aproximadamente oito (8) minutos e quatorze (14) segundos de execução. De fragmentos de documentação recuperados dos Laboratórios Prometeu, SCP-155 foi usado para realizar cálculos massivos que iriam levar meses, senão anos de tempo de processamento com dispositivos convencionais de computação.

Apesar de suas capacidades, a operação de SCP-155 é altamente perigosa devido ao fato de que o calor e a radiação geradas por SCP-155 ficam presas e acumulam-se durante a operação, formando uma espécie de ‘horizonte do evento’ de energia que é liberado quando a execução acaba. A execução de programas que exceder seis (6) minutos resulta em radiação gerada suficiente para que a câmara de contenção na qual SCP-155 esteja contido tenha de ser descontaminada antes que qualquer funcionário de pesquisar possa reentrar.

Adendo 155-01: Incidente 155-08

Em █/██/██, Dr. ███████ inseriu um programa falho à SCP-155 que resultou em uma execução sem interrupção (um loop infinito). Após os funcionários e técnicos que ali estavam terem notado o erro, um encerramento de emergência de SCP-155 foi iniciado mas não foi totalmente parado até a execução ter excedido oito (8) minutos e três (3) segundos. Nesse ponto, uma intense onda de calor e radiação derreteu através da câmara de contenção de SCP-155, resultando em onze (11) casualidades e a total destruição da ala C do Sítio ██. SCP-155 apenas recebeu pequenos danos no incidente, mas experimentação está suspensa enquanto procedimentos de segurança revisados estão sob análise e peças de reposição estão sendo procuradas para reparar componentes danificados pelo envelhecimento acelerado.

Salvo indicação em contrário, o conteúdo desta página é licenciado sob Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License