SCP-173
avaliação: +96+x

Item nº: SCP-173

Classe do Objeto: Euclídeo

Procedimentos Especiais de Contenção: O item SCP-173 deve ser mantido em uma câmara trancada em todos os momentos. Quando funcionários precisarem entrar na câmara de SCP-173, não menos que 3 devem entrar a qualquer momento, e a porta deve ser retrancada após a entrada. Em todos os momentos, duas pessoas devem manter contato visual direto com SCP-173, até que todos os funcionários tenham desocupado e retrancado a câmara.

Descrição: Movido ao Sítio-19 em 1993. Origem desconhecida até o momento. Composto de concreto e reforços metálicos, com traços de tinta spray da marca Krylon. SCP-173 é animado e extremamente hostil. O objeto não consegue se mover enquanto mantido em uma linha de visão direta. A linha de visão não deve ser interrompida em nenhum momento. Funcionários designados a entrar na câmara são instruídos a avisar uns aos outros antes de piscar. Relatos mostram que o objeto ataca torcendo o pescoço ou estrangulando. Em caso de ataque, funcionários devem seguir o procedimento de contenção de objetos perigosos Classe 4.

Funcionários relatam ouvir ruídos de pedras raspando vindos da câmara quando ninguém está presente dentro dela. Isto é considerado normal e qualquer mudança neste comportamento deve ser avisada ao supervisor HMCL encarregado.

A substância marrom-avermelhada no piso é uma combinação de fezes e sangue. A origem desses materiais é desconhecida. A câmara deve ser limpa duas vezes por semana.

Salvo indicação em contrário, o conteúdo desta página é licenciado sob Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License