SCP-240-JP
avaliação: +1+x

Item nº: SCP-240-JP

Classe do Objeto: Euclídeo

Procedimentos Especiais de Contenção: SCP-240-JP-[DADOS EXPURGADOS] devem ser mantidos dentro de instalações separadas de criação de insetos padrão na Área-81██. Uma alimentação regular e observação visual devem ser realizadas para confirmar a situação. Caso as instâncias de SCP-240-JP mostrem algumas condições anormais, o pesquisador principal será informado. Sob nenhuma circunstância, qualquer indivíduo poderá ferir instâncias de SCP-240-JP ou permitir que as instâncias de SCP-240-JP sejam feridas.

Descrição: SCP-240-JP é a designação coletiva para 0 casos de gafanhotos que se acredita ter uma capacidade de manipulação de realidade limitada. Medindo uma média de aproximadamente 30-40 mm de comprimento, as instâncias de SCP-240-JP não mostraram propriedades anômalas enquanto estavam vivas. A propriedade anômala de SCP-240-JP manifesta-se no momento da morte; quando uma instância de SCP-240-JP morre por causas externas, acredita-se que use sua capacidade de manipulação de realidade para apagar o fato de que está morto para manter a população total. Devido à sua natureza, a observação da capacidade de manipulação de realidade de SCP-240-JP é extremamente difícil. Desde a contenção pela Fundação, 4 instâncias foram encerradas nos testes e as instâncias [DADOS EXPURGADOS] morreram em um acidente. Apesar disso, a população total de SCP-240-JP permanece como 0 instâncias, o mesmo número no momento da contenção.

SCP-240-JP foi descoberto nas câmaras de reprodução de um edifício não autorizado em uma montanha do Distrito ████, Prefeitura ████, Japão. Esta instalação é assumida como uma estação de pesquisa experimental do Laboratório de Melhoria e Criação de Organismos do Japão ou suas organizações relacionadas. Ao pesquisar as câmaras de reprodução, o seguinte documento foi encontrado sob a estante de livros.

Documento Recuperado

JOICL Desenvolvimento da Data do Formato#4

Projeto#: I-007-X05

Gerenciamento de Especies: ROXO - Inseto Terrestre Comum

Recursos Requiridos no Desenvolvimento: Desenvolvimento de um ecossistema que pode evitar a extinção resultante de catástrofes naturais ou espécies estrangeiras invasoras.

Plano do Desenvolvimento: Com base no gafanhoto de arroz padrão (O.yezoensis), o objeto é para ser fornecido uma função para inverter a sua morte devido a factores externos que inclui acidentes, predadores, etc.

Resultado do Desenvolvimento: Através do cruzamento de um par de instâncias [REMOVIDO], foram produzidas 0 instâncias de gafanhoto com habilidade especial. Enquanto 2 instâncias foram encerradas por ferramentas de trabalho, a população total ainda era 0. Após isso, mais duas instâncias são usadas como alimentação de outra criatura; Os gafanhotos na gaiola permanecem seu número como 0 instâncias. Independentemente da causa da morte (incluindo afogamento, queima e biodegradação), o número de instâncias permanece constante. O desenvolvimento é um sucesso.

Nota Adicional: 3 semanas se passaram desde que começamos a reproduzir. A quantidade de gafanhotos na gaiola ainda é 0, mas algo está errado. De um modo geral, 0 é um número muito pequeno para uma agulha de gafanhoto. Talvez um efeito colateral de sua habilidade - mas por que alguém encarregado não o suspeitou quando escreveu o relatório? Será uma outra questão para pesquisa.

Adendo: Atualmente, a reclassificação de SCP-240-JP para Neutralizado foi considerada; Este documento contém uma aparente discrepância. A Fundação deveria ter garantido pelo menos 1 instância de SCP-240-JP, ou os Procedimentos de Contenção Especial para SCP-240-JP não existiriam. Apesar disso, existem procedimentos especiais de contenção, enquanto as instâncias SCP-240-JP não existem. O pesquisador principal de SCP-240-JP não conseguiu lembrar como ele havia administrado SCP-240-JP como um objeto anômalo. Acredita-se que a capacidade de manipulação de realidade de SCP-240-JP era apagar o fato de nascer, em vez de reverter sua morte.

Salvo indicação em contrário, o conteúdo desta página é licenciado sob Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License