SCP-2577
avaliação: 0+x

Item nº: SCP-2577

Classe do Objeto: Euclídeo

Procedimentos Especiais de Contenção: Web crawlers da Fundação e funcionários infiltrados na indústria do entretenimento devem monitorar e impedir qualquer distribuição de SCP-2577. Os direitos autorais foram registrados sob corporações de fachada da Fundação para este propósito.

A Força-Tarefa Móvel Alpha-4 (“Expresso Pônei”) deve interceptar todas as remessas internacionais para indivíduos creditados em SCP-2577 (Consulte o Documento SCP-2577-Rho para uma lista completa) e confiscar todos os pacotes aparentemente originários de SCP-2577-A. Todos os itens confiscados devem ser tratados como anômalos até que o contrário seja confirmado.

Conforme a política vigente, todas as investigações sobre as práticas de receita da antiga GRU Divisão P estão consolidadas sob a operação CORRIDA DO OURO da Agência de Inteligência da Fundação. Esforços de reconhecimento para localizar SCP-2577-A foram interrompidos, pendentes de aprovação da Agência de Inteligência.

Descrição: SCP-2577 é uma série de documentários de 2005 intitulada “Frozen Steel”, ocasionalmente aparecendo em serviços de streaming de video ou lançamentos de mídia física em pequena escala. SCP-2577 supostamente documenta a operação e a vida diária da equipe de SCP-2577-A, um pátio de descomissionamento aparentemente localizado em ███████, Distrito Federal Siberiano, Rússia, usado para o descarte de navios militares de idades variadas do início a meados do século XX. SCP-2577-A consiste em uma única torre central de comando e quartéis cercados por uma pista de ██ km quadrados construída a partir de uma tundra nivelada e acondicionada. Navios são entregues a esta pista por meios nunca expressos no documentário, chegando balisticamente a velocidades superiores a 900 km/h antes de se cravarem violentamente na pista.

SCP-2577 faz um grande esforço para descrever o perigo extremo enfrentado pelos indivíduos que realizam operações de recuperação, que são responsáveis por despojar navios de material valioso, quebrar e demolir seus cascos e, se possível reparar a pista, sob constante ameaça de estar no caminho de um dos mais de ███ novos navios que entram em SCP-2577-A diariamente. Os poucos nomes ou designações de navios exibidos em SCP-2577 não correspondem a nenhum navio conhecido, e a taxa de navios que entram em SCP-2577-A supera em muito o descomissionamento documentado e a construção de navios militares russos.

A seguinte transcrição de um episódio típico de SCP-2577 foi recuperada do serviço de streaming de vídeo █████.

S01E04
Anton e a Equipe Odin correm contra o tempo para remover a cabine de comando do perigosamente inclinado Almirante Nikolai Yezhov. Cargas explosivas podem permitir que eles eliminem o peso morto e estabilizem o casco, mas uma falha poderia fazer o navio colapsar em uma pilha de metal irrecuperável.

Enquanto isso, Misha e a Equipe Dva continuam perdendo homens e equipamentos para os destroços labirínticos do navio-hospital Sankt-Iakov. Todo o trabalho deles dá em nada quando o submarino TK-455 colide com o cargueiro convertido, reduzindo-o a uma pilha despedaçada.

SCP-2577 parece ter sido financiado, dirigido e narrado pelo ator americano Ron Perlman. É revelado no comentário do diretor em um lançamento de blu-ray doméstico que Perlman tem uma profunda admiração e conexão pessoal com SCP-2577-A, afirmando que ele faz correspondência regularmente com os operadores, identificando itens raros recuperados dos cascos e retornando-os gratuitamente.

Perlman e outros indivíduos creditados em SCP-2577 não forneceram quaisquer informações adicionais sobre o documentário e foram amnesticizados e liberados após entrevistas. Apesar da ignorância declarada de Perlman sobre o projeto e da falta de qualificações como antiquário, a FTM Alpha-4 intercepta anualmente aproximadamente ██ toneladas de equipamentos navais variados endereçados a ele para avaliação. Objetos notáveis confiscados estão listados no Documento SCP-2577-1.

Vigilância aérea e por satélite da área que acredita-se conter SCP-2577-A se mostrou inconclusiva e abordagens terrestres não conseguiram localizar a instalação. Investigações sobre a produção de aço da Sibéria Ocidental e o antigo fluxo de receita D-584 (Codinome Садко) da GRU-P estão em andamento.

Documento SCP-2577-1: Itens supostamente originários de SCP-2577-A


Documento SCP-2577-2: Porções seletas do Relatório de 19██ da Agência de Inteligência sobre Práticas de Receita Anômalas na GRU-P


Salvo indicação em contrário, o conteúdo desta página é licenciado sob Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License