SCP-2737
avaliação: +2+x

AVISO: AGENTE CONTRA-MEMÉTICO ATIVADO

be0bd5b59ed09618db939d03dbd6b22f.png
baac29e9367de9dda6c1e8b9d747defb.png
05abf7dd09241efdce03c5c6194c4bab.png

INOCULAÇÃO COMPLETA

Item nº: SCP-2737

Classe do objeto: Seguro

Procedimentos Especiais de Contenção: Funcionários encarregados com SCP-2737 devem passar por treinamento contra-memético semanal. Agentes antimeméticos devem ser empregados antes e depois de exposição a SCP-2737. Funcionários e indivíduos infectados devem ser monitorados por sinais de reincidência.

Descrição: SCP-2737 é uma lampreia morta. Apesar de ter falecido, SCP-2737 não sofre decomposição. A urna contendo SCP-2737 foi datada de aproximadamente 100 E.C. e aparenta ser de origem romana. Conhecimento da existência do SCP-2737 aciona uma infecção memética.

Sintomas da infecção podem incluir:

  • Aumento de empatia (emocional e cognitiva)1
  • Distúrbio depressivo grave
  • Tanotofobia aguda2
  • Pensamentos compulsivos sobre teodiceia3 (especificamente em indivíduos religiosos), imortalidade, transhumanismo, e com a existência de entropia.
  • Crenças em experiências coletivas e vida interconectada

Suspeita-se que depressão seja um efeito colateral não anômalo causado pela anomalia primária.

SCP-2737 foi descoberto em um dos locais da Fundação para contenção de objetos minimamente anômalos. O objeto (acreditava-se inicialmente que fosse a urna contendo SCP-2737), foi encontrado com documentação apropriada. O Doutor Ernest Bishop, aproximadamente 2 horas após exposição, foi neutralizado por pessoal de segurança quando tentava forçar uma quebra de contenção, declarando que a Fundação “não tinha direito algum de machucar SCP-████". A conexão ao SCP-2737 foi logo deduzida, pois era o único objeto anômalo sob a responsabilidade do Doutor Bishop naquele dia. Para que se pudesse entender a natureza da anomalia, foram solicitados pessoal de Classe D para experimentação – a autorização foi concedida.

Salvo indicação em contrário, o conteúdo desta página é licenciado sob Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License