SCP-3008
avaliação: +9+x

Item n°: SCP-3008

Classe de Objeto: Euclídeo

Procedimentos Especiais de Contenção: O terreno onde SCP-3008 é contido foi comprado pela Fundação e convertido no Sítio ██. Todas estradas públicas que vão para ou passam pelo Sítio ██ foram redirecionadas.

A entrada de SCP-3008 deve ser monitorada a todo momento, e ninguém deve entrar em SCP-3008, exceto durante testes, conforme permitido pelo Pesquisador Sênior.

Humanos que saiam de SCP-3008 devem ser detidos e interrogados antes de administração de amnésticos. Dependendo da duração de sua estadia em SCP-3008, uma história falsa deve ser gerada para antes de serem soltos.

Quaisquer outras entidades saindo de SCP-3008 devem ser exterminados.

Descrição: SCP-3008 é um grande pedaço de terra anteriormente sob a posse de IKEA, uma rede de lojas de móveis popular. Uma pessoa que adentra SCP-3008 pela entrada principal e perde visual das portas irá ser translocada para SCP-3008-1. O deslocamento tipicamente não será notado já que nenhuma mudança ocorrerá na perspectiva da vítima; normalmente não notarão até que tentem retornar para a entrada.

SCP-3008-1 é um espaço que lembra o interior de uma loja de móveis IKEA, se estendendo muito além dos limites do que poderia ser fisicamente contido dentro do terreno. Medidas atuais indicam que trata-se de uma área de pelo menos 10km2 sem qualquer limite visível em qualquer direção. Resultados inconclusivos do uso de telêmetros a laser levaram-nos a especular que o espaço talvez seja infinito.

SCP-3008-1 é habitado por um número desconhecido de civis aprisionados antes da contenção. Dados coletados sugerem que eles formaram uma civilização rudimentar dentro de SCP-3008-1, incluindo a construção de assentamentos e fortificações com o propósito de se defender contra SCP-3008-2.

SCP-3008-2 são entidades humanoides que existem dentro de SCP-3008-1. Embora lembrem superficialmente humanos, possuem proporções corporais exageradas e inconsistentes, geralmente descritos como sendo muito baixos ou muito altos. Eles não possuem nenhuma característica facial e em todos casos observados, vestem uma camisa amarela e bermudas azuis, condizentes com o uniforme dos funcionários do IKEA.

SCP-3008-1 possui um ciclo rudimentar de dia e noite, determinado pela iluminação no teto acendendo e apagando em períodos consistentes com as horas de abertura e fechamento da loja original. Durante a "noite", instâncias de SCP-3008-2 vão se tornar violentas à todas outras formas de vida dentro de SCP-3008-1. Durante esses surtos de violência, eles já foram relatados vocalizando frases em Português que são geralmente variações de "A loja já fechou, por favor, saia do estabelecimento". Uma vez que o "dia" começa, instâncias de SCP-3008-2 imediatamente se tornam passivas e começam a vagar por SCP-3008-1, aparentemente de forma aleatória. Eles não respondem a questionamento ou outras comunicações verbais nesse estado, porém vão reagir violentamente se atacados.

Sabe-se que SCP-3008-1 possui uma ou mais saídas localizadas em seu interior, no entanto essas saídas não aparentam ter uma posição fixa, tornando o ato de deixar SCP-3008-1 difícil uma vez que se entra. Usar qualquer outra porta além da entrada principal para entrar na estrutura ou forçando um caminho pelas paredes do estabelecimento acaba levando para um interior não-anômalo da loja original.

Desde o início de contenção, 14 indivíduos conseguiram deixar SCP-3008. Após interrogatórios extensivos, a todos foram administrados amnésticos antes de serem liberados.

Incidente 3008-1: Às 00:37 em ██/██/200█ um homem deixou SCP-3008, sendo seguido 10 segundos depois por uma instância de SCP-3008-2. SCP-3008-2 alcançou e matou o homem antes de ser exterminado por funcionários armados. Esse incidente se trata da única vez que uma instância de SCP-3008-2 foi vista deixando SCP-3008. Uma autópsia completa do corpo foi realizada; veja Registro de Autópsia 3008-2 para mais detalhes.

O homem estava carregando um diário da marca IKEA, aparentemente para documentar suas experiências em SCP-3008-1, transcrito abaixo.

Salvo indicação em contrário, o conteúdo desta página é licenciado sob Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License