SCP-336
avaliação: +2+x

Item nº: SCP-336

Classe do Objeto: Euclídeo

Procedimentos Especiais de Contenção: SCP-336 deve ter alojamentos de 6 m x 6 m de tamanho, mantidos regularmente. Esta manutenção, bem como todas as outras tarefas que requerem contato direto com SCP-336, devem ser realizadas exclusivamente por mulheres. SCP-336 pode fazer solicitações de móveis ou itens; entretanto, aprovação dessas solicitações depende da cooperação de SCP-336 com os funcionários e está sujeita à aprovação do pesquisador-chefe do projeto. Pedidos de acesso a itens anômalos ou perigosos devem ser negados.

Um dispositivo modulador de voz, instalado sobre a boca de SCP-336, deve ser verificado e mantido por funcionários de Nível 0 semanalmente. O modulador pode ser destrancado com uma combinação de seis dígitos fornecida a funcionários de nível 2 e superior para fins de teste de SCP-336. Em caso de falha do dispositivo ou desativação não intencional, procedimentos de confinamento local devem ser respeitados até que SCP-336 seja isolada.

Descrição: SCP-336 é uma fêmea humana de pele clara de descendência árabe ou do Oriente Médio com aparência próxima a 30 anos de idade. SCP-336 tem 1,73 m (5 pés, 8 pol.) de altura e pesa 68 kg (150 libras) como de seu último exame físico. O objeto não requer sono ou sustento e não parece ser afetado por envelhecimento ou doença de qualquer natureza. O objeto é anatomicamente humano com exceção das irregularidades dérmicas ao longo das coxas e panturrilha, que parecem estruturalmente semelhantes a escamas reptilianas.

SCP-336 se comporta de forma impassível e imparcial em relação a seres humanos e demonstra um comportamento altamente introvertido. O objeto é altamente inteligente e analítico, tendo pontuado no percentil 95 ou superior na maioria dos testes de inteligência. Uma melhora perceptível na atitude é observada quando SCP-336 usa um espelho, já que foi observado que o objeto é altamente narcisista e tem uma tendência a passar longos períodos de tempo admirando seu reflexo.

Cobaias humanas diretamente expostas às vocalizações desobstruídas de SCP-336 experimentam um de dois efeitos, dependendo da presença de um cromossomo Y no genoma da cobaia. Indivíduos sem um cromossomo Y e possuindo sistemas reprodutivos saudáveis irão experimentar infertilidade inexplicável. A duração dessa infertilidade varia, mas é diretamente proporcional ao tempo de exposição.

Indivíduos com um cromossomo Y experimentam uma anomalia separada que se apresenta após 2-3 horas de exposição à voz de SCP-336. Durante o próximo ciclo regular de sono de um indivíduo afetado, ele entrará em um coma de 6 a 8 horas de duração no lugar do descanso normal. Ao longo deste coma, aproximadamente 100 gramas de tecido não essencial (normalmente da caixa torácica do indivíduo) se separarão do indivíduo perfeitamente e inexplicavelmente aumentarão em massa, transformando-se em uma instância adulta de SCP-336-1 antes do indivíduo despertar.

Instâncias de SCP-336-1 são vários organismos femininos adultos formados a partir de elementos anatômicos díspares selecionados aparentemente ao acaso de dois ou mais vertebrados geneticamente não relacionados. 90% das instâncias incorporam elementos de duas ou mais das seguintes espécies: Homo sapiens; Aquila fasciata (Águia-de-bonelli); Vipera ammodytes (Vípera da Areia); Panthera leo persica (Leão-asiático); Bos primigenius (Auroques - extinto); Equus ferus przewalskii (Cavalo-de-przewalski); e uma subespécia não identificada de Capra aegagrus (Cabra-selvagem). Descobertas atuais sugerem que a composição genética do indivíduo afetado se correlaciona diretamente com a composição da instância correspondente; a pesquisa está em andamento. A maioria desses híbridos não é anatomicamente viável e normalmente expira dentro de duas semanas. Instâncias sobreviventes são irracionalmente violentas e não demonstram nenhuma evidência de inteligência superior.

SCP-336 demonstrou um leve desdém pelas instâncias de SCP-336-1 e relutou em discutir os organismos e os meios de sua criação. Como SCP-336 tem cooperado com funcionários da Fundação, o motivo para esse comportamento é desconhecido.

Adendo 336-01: Experimentos recentes identificaram uma irregularidade nos efeitos do objeto em indivíduos cujos cromossomos Y exibem o Haplótipo Modal de Cohen. Instâncias de SCP-336-01 formadas de tais indivíduos são exclusivamente Homo sapiens, sem anatomia hibridizada. Além disso, essas instâncias demonstram inteligência e conhecimento inato limitado, incluindo fala fluente na língua nativa do indivíduo. Duas dessas instâncias foram mantidas para estudo de longo prazo.

Salvo indicação em contrário, o conteúdo desta página é licenciado sob Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License