SCP-479
avaliação: +2+x
479.jpg

SCP-479 ligado a sala técnica de vapor e a lavanderia de Classe-D.

Item nº: SCP-479

Classe do Objeto: Euclídeo

Procedimentos Especiais de Contenção: Portas de segurança anexadas a Área 14, feito de placas de aço com um revestimento adicional de CR4 de 2mm (UNI 9569 Classe 3) e varreduras de selamento completo foram instaladas em cada extremidade do Corredor 4. Ambas as portas devem ser mantidas trancadas, e as chaves são mantidas pelo ETHB no dever. Os funcionários de Classe-D estão autorizados de entrar para fins de exploração e pesquisa. O Corredor 4 não é mais autorizado como uma via entre a sala técnica e lavanderia de Classe-D.

As varreduras da Área 14 que ainda estabeleçam fenômenos semelhantes a esse, continuarão a complementar varreduras de segurança regulares até novo aviso.

Descrição: Corredor 4 é um corredor que mede 25 metros e que está ligado a sala técnica nos dormitórios dos funcionários de Classe-D da Área 14, junto com a a lavanderia. Desde ██/██/20██, as pessoas que entram no Corredor 4 mencionaram poderosas alucinações visuais, auditivas e olfativas de sangue, variando de manchas de sangue encontradas pelo chão e "sangue chovendo por cima, batendo no chão do outro lado como se fosse uma janela de vidro".

Essas visões de sangue provaram ser alucinações. O chão de SCP-479 no momento do primeiro relatório era de concreto aparente e nenhuma evidência de sangue pode ser encontrada por meios químicos ou fotográficos. Alguma ferrugem comum foi encontrada, mas não nas quantidades ou locais relatados nas alucinações. O chão do Corredor 4 é do mesmo material vulcânico que o resto da Área 14 se-sustenta, comprovado assim depois que uma equipe de Classe-D escavou com ferramentas manuais e um novo chão de concreto armado foi estabelecido. Uma investigação adicional das paredes e do teto também apresentou resultados negativos.

Nenhuma substância química anormal está presente. A análise neurológica dos funcionários de Classe-D sem história prévia está pendente, mas até agora parece inconclusiva. A medicação antipsicótica provou ser ineficaz.

A existência desse fenômeno em uma Facilidade de Segurança pode constituir uma violação de segurança e um relatório para o nível O5 está em preparação.

Está pendente uma solicitação para autorizar o financiamento para declarar o Corredor 4 na Área de Contenção, embora no momento não exista um plano para lidar com o efeito, caso ele se espalhe.

Salvo indicação em contrário, o conteúdo desta página é licenciado sob Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License