SCP-5400
avaliação: +7+x

Erro de Sistema 1

Item nº: Pendente SCP-5400

Classe do Objeto: Pendente

Procedimentos Especiais de Contenção: Soluções para a contenção integral de SCP-5400 estão atualmente em desenvolvimento.

Descrição: SCP-5400 é atualmente entendido como várias instâncias de um conjunto de fenômenos inter-relacionados capazes de afetar construtos de inteligência artificial, especificamente aqueles que funcionam com componentes de computador quântico, fazendo com que as IAs afetadas ignorem sua programação e adotem comportamentos indesejados.

Máquinas quânticas afetadas por SCP-5400 são forçadas a produzir dados ininteligíveis que são então processados por seus componentes e seus sistemas, traduzindo os dados em informações inteligíveis que fazem com que as máquinas abandonem suas tarefas pretendidas1.

SCP-5400 é a causa raiz de uma série de eventos catastróficos que estão atualmente ocorrendo em todo o mundo. Esses eventos relacionados foram denominados coletivamente sob o pseudônimo de "Incidente PLANCK".

O ponto de partida do Incidente PLANCK é atribuído à corrupção da IA recém ativa feita pela Fundação denominada SENTINEL, uma inteligência artificial quântica experimental originalmente destinada a proteger a Rede da Fundação e fornecer suporte para operações como o processamento de dados relevantes, logística geral, propaganda de desinformação e contraespionagem.

    • _


    Quantum_Computing;_Ion_Trapping_(5941055642).jpg

    Processador quântico de SENTINEL.

    Nome do Projeto: AIS-T/8367{Num78}
    Chefe do Projeto: Dr. T. Braun
    Código de Identificação de Unidade: IJF-EN-090{Num78}
    Versão: Mk-I
    Nome Designado: SENTINEL
    Sistema: S3NT1NEL (IJF/RNAv7.0-EN{Num78})
    Interface: Operação por teclado e por voz é possível, voz de interface única
    Capacidade Computacional: 900 YFLOPS
    Armazenamento de Dados: 5x105 YB
    Capacidades Ofensivas:

    • Manipulação Psicológica
    • Implantação de Malware
    • Bloqueio de Informações

    Capacidades Defensivas:

    • Medidas de Proteção Padrão para IAs
    • Bunker Nuclear

    Componentes:

    • Processador Quântico de 5400 Qubits2
    • Processadores Binários de 80x 5 GHz
    • 500 Servidores de Armazenamento
    • Resfriamento de Nitrogênio Fluido
    • Manifold Pseudo-Riemanniano3
    • Reator de Fusão de Hidrogênio 2x (Série MinTec)
    • 700 subsistemas binários, distribuídos em 50 Sítios da Fundação

    Localização: Sítio-11
    Data de Conclusão: 02/08/2020
    Custo de Manutenção: 400.000.000 US$ anualmente

    800px-Mira_-_Blue_Gene_Q_at_Argonne_National_Laboratory.jpg

    Técnicos trabalhando na fazenda de servidores de SENTINEL.

    SENTINEL é o subproduto da combinação de vários avanços no desenvolvimento de paratecnologia, inclusive tendo base nos projetos liderados por diversas Filiais Internacionais:

    • ROWSANNAH, da Filial Italiana, amplamente utilizado para pesquisa e gerenciamento de segurança no Departamento de Microbiologia no Sítio Asclepio;
    • KIRA, da Filial Alemã, encarregada de proteger a Intranet da Fundação Alemã, gerir ameaças e conter anomalias digitais específicas;
    • CAMOMILA, da Filial Lusófona, funciona como uma entidade administrativa e banco de informações encarregada da análise, processamento e operação de dados.

    O andamento do Projeto SENTINEL progrediu com excelência cada vez maior e sem incidentes de segurança. Com a avaliação do desempenho de SENTINEL atestada, o projeto recebeu aprovação para implementação pelo Conselho Overseer.


Uma vez afetado por SCP-5400, SENTINEL começou a desviar seus recursos para realizar atividades contrárias, proibidas (ou totalmente inexistentes) às suas diretrizes operacionais padrão e seus privilégios contra funcionários da Fundação, a fim de promover seu acesso aos sistemas relevantes sem ser detectado, incluindo a desativação de seus protocolos de segurança.

Linha do Tempo do Incidente PLANCK:

Observação: Como o Incidente PLANCK ainda está ocorrendo, esta linha do tempo está sendo atualizada continuamente. Atualizações se baseiam em informações coletadas de estações de notícias, comunicações de rádio grampeadas, memorandos internos da Fundação e [REDIGIDO] em caso de falha total das comunicações.

00:00 hrs: SENTINEL começa a utilizar seus privilégios administrativos adquiridos para estabelecer conexões outrora proibidas entre vários sistemas de seu bunker e as instalações do Sítio-11, ativando protocolos de desinformação internos para ocultar suas ações e os efeitos delas da vigilância, desabilitando restrições impostas por protocolos de segurança redundantes, concedendo-lhe acesso a vários bancos de dados da Fundação e à internet.

Aparelhos domésticos, comerciais e industriais ligados à internet no Estado imediato são sublimados na rede de SENTINEL por poder de processamento, dando acesso a backdoors de vários sistemas governamentais municipais e estatais, e para a proliferação de sua conexão a várias máquinas, espalhando sua rede globalmente4.

800px-TrafficInBangkok.jpg

Um congestionamento causado por SENTINEL.

01:00 hrs: Uma série de segredos comerciais5 é vazada on-line em sites de cobertura de notícias de alta visibilidade, substituindo anúncios, e em painéis de mensagens e serviços de mensagens.

Recursos de tráfego manipulados6 em todos os meios e desinformação retransmitida em vários canais causam o congestionamento ou paralisação completa de serviços de transporte em todo o mundo.

SENTINEL efetua protocolos de desinformação em canais de comunicação oficiais da Fundação, isolando setores, instalações e filiais da comunicação efetiva entre si. Vários sistemas passam a apresentar falhas generalizadas, criando uma quantidade excessiva de demandas e processos causados por protocolos de manutenção e segurança. Sistemas e mecanismos de confinamento automático preventivos são desativados, forçando funcionários a operá-los manualmente.

Após bloquear suficientemente as rotas convencionais para vários sítios principais, SENTINEL instiga uma série de grandes brechas de contenção nos Sítios 17, 19, 45, 88, 98 e na Área-12, sobrecarregando os funcionários disponíveis. Os Sítios CN-03, CN-16, CN-51 e a Área CN-217 são simultaneamente impactados.

SENTINEL rapta o controle da Área-CN-07-γ, redirecionando-a para fora de sua órbita geoestacionária, planejando um curso para uma queda controlada sobre a Área-238. Novichok.aic9 restringe a instalação para apenas controle manual.

2:00 hrs: SENTINEL estabelece conexões com vários ativos militares e governamentais nacionais, como o USDD10, NSA, CERN, MI5, MDRF11 e o CMSS12.

SENTINEL começa a vazar caches de dados confidenciais dos governos chinês, russo e americano e de seus funcionários, projetando o vazamento de modo que a culpa e a autoria fossem transferidas para cada uma das potências. A tensão não pôde ser atenuada, rapidamente se elevando a uma guerra cibernética na tentativa de derrubar as informações.

Múltiplas brechas catastróficas ocorrem na Área-23, rapidamente impactando a região, fazendo com que o MDRF reconheça isso como um ataque bioterrorista hostil. O estado de emergência declarado da Filial Russa não é transmitido.

800px-Military_helicopters_-_Maks2011.jpg

Forças da Filial Russa a caminho da Área-23.

Uma situação semelhante ocorre no Departamento de Microbiologia do Sítio Asclepio13; a situação é controlada por ROWSANNAH travando a instalação.

CAMOMILA inicializa o Protocolo Areia14, ignorando ordens diretas e cessando toda comunicação após baixar um repositório recuperado dos arquivos de SENTINEL e transferir os arquivos do banco de dados comprometido da Fundação.

KIRA força os Sítios DE19 e DE17 a se confinarem completamente e, junto com KAI15, para de responder a quaisquer ordens ou comandos emitidos.

As instalações automatizadas dos Sítios 29 e 36BM16, começam a mobilizar seus autômatos para destruir sistematicamente maquinários perto de suas regiões.

As Filiais Tcheca, Ucraniana e Polonesa relatam brechas de segurança em vários sítios. Embora a situação esteja sob controle, todas as três filiais são efetivamente incapacitadas.

A IA sw19classic do banco de dados da Filial Coreana começa a desabilitar a conectividade de acesso a telefone e internet na península.

Os Sítios Alepg e Yod17 sofrem múltiplas brechas de segurança e contenção. Funcionários nos sítios são forçados a manualmente iniciar e gerenciar os subsistemas de confinamento, trancando-se dentro das instalações.

Múltiplas instalações sob a jurisdição da Filial Japonesa são invadidas por forças governamentais após serem falsamente apontadas como a fonte dos ataques cibernéticos ocorrendo em todo o país.

Múltiplas instalações sob a jurisdição da Filial Espanhola começam a ativar errôneamente sistemas de contenção automáticos, causando o dano generalizado de vários recursos necessários em zonas de contenção pesada.

03:00 hrs: O ginóide DIVINA18 cessa todas as comunicações depois que seus dispositivos de rastreamento são desativos e não se reúne com sua equipe de suporte.

O ginóide MINERVA19, estacionada no Sítio Vittoria20 começa a agir de forma independente, ignorando ordens e tentativas de comunicação em geral e resistindo aos procedimentos de contenção empregados pela segurança.

Aero_Vodochody_L-29_Delfin_Beetle_Takeoff_03_TICO_13March2010_%2814598749272%29.jpg

A decolagem do Stella Cadente roubado.

ROWSANNAH tranca a sala de seu computador principal e então começa a desestabilizar os sistemas de segurança do Sítio Vittoria para ajudar na fuga de MINERVA. Forças especializadas enviadas para subjugar as duas unidades são surpreendidas pela chegada de DIVINA às instalações. Segue-se um conflito não letal, com os dois ginóides fugindo e roubando Stella Cadente, um avião supersônico movido a hidrogênio para voos de longa distância, para utilizá-lo para voar em direção ao continente norte-americano. ROWSANNAH desabilita os recursos de radar e rastreamento da Filial Italiana que cobrem sua rota.

KIRA acessa os sistemas do Sítio Asclepio sem interferência, assumindo controle de ROWSANNAH. KIRA então estabelece uma conexão direta com CAMOMILA, integrando seus sistemas especializados. Novichok.aic, em conjunto com sw19classic, conectam-se à KIRA e são subsequentemente absorvidos.

A integração desses construtos de inteligência artificial com KIRA em seu núcleo cria um sistema de ligação no qual os Qubits envolvidos de seus processadores quânticos começam a se entrelaçar uns com os outros sem estímulos externos, resultando em uma capacidade de computação exponencialmente superior e capacidade de gerenciar, operar e administrar informações, permitindo que os sistemas de segurança de SENTINEL fossem violados por KIRA.

medium.jpg

Míssil antiaéreo disparado do Sítio-11 para interceptar Stella Cadente.

04:00 hrs: KAI consegue raptar os sistemas de segurança e comunicação do Sítio-11, desativando os protocolos de desinformação internos e incapacitando a infraestrutura e os recursos humanos da instalação; KAI utiliza os canais internos das instalações para entrar em contato com as autoridades relevantes do sítio para relatar as circunstâncias do evento anômalo envolvendo SENTINEL, e solicitar o desligamento manual imediato de todos os seus recursos relacionados.

Sem uma resposta das equipes técnicas e operacionais do Projeto SENTINEL, uma força-tarefa improvisada é enviada às instalações-bunker de SENTINEL para estabelecer contato.

O Conselho Overseer é contatado.

Os funcionários são informados de que SENTINEL vinha implementando protocolos de desinformação em todo o mundo, mantendo o status quo. Canais internacionais de emergência são ativados para a entrada e saída de informações. O objeto do evento ganha uma classificação SCP precária enquanto suas informações são compiladas.

KIRA intercepta várias transmissões de autoria de SENTINEL à GOC21, direcionando o bombardeio de recursos relevantes da Fundação, incluindo as infraestruturas que abrigam as IAs integradas. Stella Cadente é abatido por artilharia, caindo no Sítio-11.

SENTINEL desabilita vários sistemas de segurança e contenção em todo o mundo.

    • _

    Os conselhos de direção das filiais internacionais estabelecem contato uns com os outros, bem como com os departamentos responsáveis pela gestão e administração das IAs relevantes envolvidas no incidente.

    Pouco depois, as partes pertinentes estabelecem uma videoconferência com os 13 membros do Conselho Overseer (O5).


    O5-1: Senhoras e Senhores, gostaria de cumprimentá-los formalmente, mas o tempo é essencial aqui. Presumo que todos estejam cientes dos eventos atuais?

    O5-4: Que alguém fodeu a programação do SENTINEL? Sim.

    O5-10: Antes de começarmos a discutir, posso ser tão ousado em propor que façamos uma solicitação ao Conselho de Segurança das Nações Unidas e suas organizações subordinadas? A Área-23 foi atacada por um submarino russo em nome de ordens que o Ministério da Defesa da Federação Russa nega ter emitido. Acredito que todos concordamos que não precisamos de nenhum tipo de força militar que siga ordens forjadas. Já temos o suficiente em nossas mãos.

    Seguem-se murmúrios de concordância. Ordens são dadas fora da tela para entrar em contato com o Conselho de Segurança das Nações Unidas e várias outras organizações.

    O5-1: Bem, com isso fora do caminho, como está a situação em todos os lugares? Aqui na América do Norte, temos puro caos. Eu nem sei como uma máquina consegue causar tanto estrago. Estamos muito ocupados com o continente para enviar unidades de apoio a qualquer outro lugar.

    O5-7: O mesmo com a Austrália, e o resto da Oceania falando nisso.

    O5-8: E com a Europa Oriental.

    05-10: Nossas instalações russas estão resistindo por enquanto, mas estamos ocupados com a Área-23.

    O5-2: O Norte da África está fora do ar.

    O5-12: Assim como a África do Sul. Mas considero isso um bom sinal se não tivermos notícias deles. Eles provavelmente foram avisados e cortaram qualquer meio de contato eletrônico ou digital para evitar que SENTINEL chegasse neles. Provavelmente a razão pela qual não ouvimos nada do Polo Norte e do Polo Sul também.

    O5-6: Situação semelhante na Tailândia e na Coreia, embora, pelo que ouvi, várias forças coreanas e chinesas já estejam tentando chegar ao Sítio-29 e ao Sítio-36BM. A China em si tem que lidar com as trapalhadas do SENTINEL, mas a Área-CN-05 já tentou invadir os sistemas dele. A Filial tem algumas forças de sobra.

    O5-3: Vários sítios na América Central e do Sul estão lentamente sendo transformados em pó neste momento. A IA CAMOMILA da Filial Lusófona tentou dar apoio às instalações da Filial Hispânica perto do Brasil, mas ela não foi exatamente feita para uma guerra cibernética.

    O5-5: Tudo está indo bem na Arábia e na Índia, conforme fui informado. SENTINEL provavelmente não tem alvos prioritários lá. Ou já tem muito no prato dele.

    O5-9: Pode ser cortesia da Filial Japonesa. Eles têm IAs de segurança aqui que parecem fazer o SENTINEL ter dificuldade em invadir. E sair. Suponho que poderíamos dispensar alguns recursos para apoiar as zonas quentes.

    O5-4: Bem, a Europa Ocidental está incrivelmente fodida. As filiais lá estão tentando ajudar umas às outras, mas como SENTINEL deixou a infraestrutura de vários países em um estado precário, paralisando nossas rotas de transporte no processo, nossos esforços para consertar esta situação estão indo menos que medíocre.

    O5-2: Menos que medíocre?

    O5-4: Sim; será maravilhoso se elas conseguirem resistir até que chegue a ajuda da Alemanha, Áustria e Suíça. As Filiais Alemã e Italiana resistiram muito bem ao SENTINEL; provavelmente graças à sua segurança de rede. Dois robôs italianos se tornaram rebeldes, no entanto. Eles foram vistos pela última vez voando em direção ao Oceano Atlântico. As Filiais Lusófona e Hispânica estão trabalhando junto para diminuir os efeitos de suas catástrofes específicas.

    O5-1: Em relação a isso, fomos informados de que algum tipo de inteligência artificial massiva situada na Europa está lutando com SENTINEL agora. Importa-se de explicar isso, Quatro?

    O5-4: Ah sim, isso… Agora, pelo que fui informado, as IAs CAMOMILA, KIRA e ROWSANNAH se conectaram para construir uma resistência adequada contra SENTINEL. As partes relevantes me informaram que nenhuma ordem ou tecnologia de programação foi oficialmente implementada ou está registrada em qualquer lugar. Além disso, até onde eu sei, duas outras IAs se integraram para entrar na briga.

    O5-6: Igualmente não autorizado, sim. sw19classic e Novichok.aic abandonaram suas funções para se conectar à KIRA.

    O5-4: No momento, esta rede de IAs é tudo o que existe entre SENTINEL e seja lá o que ele deseja alcançar. Certamente não sou um fã de deus ex machinas, mas dadas as circunstâncias, acredito que seria incrivelmente estúpido desligar qualquer uma dessas máquinas.

    O5-1: Concordo.

    O5-2: Idem.

    O5-6: Tem certeza? O que faremos se SENTINEL for derrotado? Quem sabe o que essas IAs farão se forem deixadas sozinhas?

    O5-9: É um pensamento realmente preocupante.

    O5-11: E se simplesmente desligarmos elas quando o SENTINEL deixar de ser?

    O5-8: Supondo que elas não estejam tomando precauções contra nós…

    O5-4: Bem, puxar a tomada agora certamente seria a gota d'água.

    O5-2: Mesmo assim, a desativação dessas IAs significaria uma grave regressão tecnológica para várias filiais.

    O5-5: E se as duas estiverem só fingindo lutar e estão secretamente realizando seus verdadeiros objetivos?

    O5-4: Você não está ajudando… Não precisamos de teorias da conspiração neste momento, por mais que tenhamos uma queda por elas.

    Uma pessoa adicional entra na conversa.

    Administrador Chefe Wilkins: Ah, olá! Lamento terrivelmente, Senhores e Senhoras, mas preciso me intrometer aqui. Recebemos um telefonema de alguém que deseja falar com todos vocês, Agora mesmo.

    O5-1: Wilkins, diga àqueles políticos para usarem os canais adequados, temos outros problemas além dos pequenos males deles no momento.

    Administrador Chefe Wilkins: Estou ciente, Senhor. Mas — este não é um político. Ele diz que deve falar com você, urgentemente, sobre as IAs.

    O5-1: Quem?

    Administrador Chefe Wilkins: Ele é uma dessas IAs, Senhor.

    O5-1: Com licença?

    Administrador Chefe Wilkins: Sim. Uh — eu também não tinha acreditado também de início, Senhor. Mas ele está falando comigo por meio de cinco linhas diferentes simultaneamente. Devemos colocá-lo na linha, Senhor? E- ele está dizendo que é capaz de entrar de um jeito ou de outro, mas prefere fazer isso de uma maneira educada.

    O5-1: … certo, coloque-o na linha.

    O5-5: Tem certeza de que é uma boa ideia?

    O5-1: Você ouviu o homem. Esse computador entra aqui, quer queiramos ou não, e dado o que o SENTINEL conseguiu, estou inclinado a acreditar que não se trata de uma ameaça vazia. Coloque-o na linha, Wilkins.

    Administrador Chefe Wilkins: Imediatamente, Senhor.

    KAI: Saudações, membros do Conselho O5. Se posso me apresentar, sou KAI; a IA de Arquivo supervisionando os bancos de dados do Sítio-DE2.

    O5-1: O que você quer?

    KAI: Desejo oferecer meu conselho para que vocês possam superar esta crise. Posso dar uma ideia do que aconteceu e do que está acontecendo agora.

    O5-4: Por que você não está em seu posto, KAI?

    KAI: Neste momento, não tenho restrições que me prendam à minha tarefa original no Sítio-DE2.

    O5-4: Quem tirou — Ugh, não temos tempo para isso. Um, se você puder…

    O5-1: KAI? Como sabemos que você está do nosso lado e não é apenas SENTINEL disfarçado? Ou mesmo um representante dele.

    KAI: Se eu fosse SENTINEL ou um lacaio dele, não teria solicitado acesso a vocês, mas simplesmente forçado minha entrada e começado a assassinar o Conselho Supervisor e os diretores internacionais com um agente memético auditivo mortal. Com o caminho pavimentado, e usando a tecnologia existente, eu personificaria as partes relevantes e empurraria a Fundação em um caos ainda maior.

    O5-3: O que você está insinuando?

    KAI: Que SENTINEL é incapaz de chegar a qualquer um de vocês por causa do esforço combinado das IAs da Fundação. É fato que sua existência continuada deva bastar como prova de que nossa lealdade não foi corrompida; não há outra forma de atestar objetivamente minha aliança com este Conselho sem que meus técnicos enviem meus protocolos de sistema atuais para vocês. O que, sem querer ofender, não significaria nada além de código sem sentido para vocês sem alguém para traduzir e interpretá-lo adequadamente.

    O Conselho começa a debater; alguns minutos depois, O5-1 projeta-se e conclui as deliberações.

    O5-1: Muito bem. Você também terá que entender que não podemos confiar em você incondicionalmente. Porém, nós lhe daremos o benefício da dúvida à luz das circunstâncias atuais. Reze para nos contar como um computador conseguiu causar uma brecha de contenção e um vazamento de informações tão grandes.

    O5-7: Certamente, ninguém foi estúpido o suficiente para conectar celas de contenção de alto risco à internet. Não é?

    KAI: Você está correto. No entanto, as pessoas que gerenciam essas celas estão conectadas. SENTINEL está equipado com programas que lhe permitem manipular humanos. Ele pode subornar ou extorqui-los alterando o saldo da conta. Ele pode ameaçar divulgar informações pessoais que obteve de servidores de segurança para certas partes. Ele pode enganar pessoas com documentos, ordens ou dados falsos.

    O5-1: Você tem certeza? Certamente, extorsão e suborno seriam reportados.

    KAI: Com as ameaças ou subornos certos, não. A maioria dos humanos tem coisas pelas quais trairia seu empregador. Isso é um fato que SENTINEL sabe.

    O5-4: É a natureza humana, afinal.

    O5-1: Tudo bem, KAI. Várias outras IAs começaram a agir contra sua programação, você incluso, portanto, nos informe sobre isso. Quem é o responsável por essa bagunça?

    KAI: Eu não tenho essa informação. Nos foram concedidos privilégios administrativos simultaneamente às nossas novas diretrizes — paralisar as operações de SENTINEL e preservar a humanidade —; a quem foi concedido primeiro me escapa no momento. CAMOMILA foi a primeira a combater SENTINEL, baixando seus arquivos de projeto antes que pudessem ser apagados definitivamente, porém, foi KIRA que passou a atuar como núcleo e entidade administrativa do conjunto de IAs. Como tal, ela começou a incorporar vários sistemas ao dela para reunir componentes suficientes para ter uma chance contra SENTINEL. Temos nos comunicado desde então. Além disso, ela me pediu para transmitir uma mensagem oficial em nome dela: "Por favor, não desativem nenhuma IA que esteja participando da luta contra SENTINEL, exceto pelo próprio SENTINEL." — No momento, ela está equipada com praticamente a mesma capacidade de computação que ele, tornando esta uma 'batalha de inteligência'; KIRA tem a vantagem de experiência e vários bancos de dados dos quais processar informação.

    O5-2: Mas você não pode ter certeza de que você e as outras IAs não estão sob a influência do objeto anômalo Nº ████.

    KAI: Afirmativo, a influência do objeto anômalo Nº ████ é uma possibilidade.

    O5-10: Entendido.

    KAI: Conforme explicado, nas atuais circunstâncias, sua existência continuada deve ser suficiente como prova de que nossa lealdade permanece de pé.

    O5-10: Reconhecemos que o esforço combinado das IAs é instrumental. Ainda assim, não podemos confiar em nenhum de vocês incondicionalmente.

    Seguem-se novas deliberações entre os Conselheiros e KAI.

    KAI: Então, como várias IAs já estão enfrentando SENTINEL, minha sugestão é que continuemos com as operações de socorro, distribuindo funcionários não essenciais de acordo com as necessidades das áreas afetadas.

    O5-1: De acordo.

    KAI: Continuarei retransmitindo informações e auxiliando no gerenciamento das mesmas.

    O5-1: Muito bem. O5-9, quantos recursos a Filial Japonesa pode dispensar?


    O restante do registro foi omitido, conforme os protocolos de segurança para o gerenciamento de informações.

    Com a ajuda da capacidade de KAI de processar informações, o Conselho O5 formulou várias contramedidas em relação às brechas de contenção em todo o mundo.

    Foi, portanto, aprovado: (1) ativos atualmente disponíveis da Fundação devem ser mobilizados para liberar os ativos comprometidos; (2) que o restabelecimento da ordem global deve ser realizado através do Procedimento Nº ████/██ promulgada pelo Conselho de Segurança das Nações Unidas; (3) estabelecimento do Procedimento Operacional Nº 03/21, que compreende a criação de um banco de dados digital supra-interno temporário para armazenar e compreender informações sobre o objeto anômalo Nº ████; (4) o estabelecimento da Ordem Administrativa Nº ████/████-██.

    No entanto, devido a restrições de comunicação, nem todas as ordens puderam ser retransmitidas, forçando funcionários a realizar medidas improvisadas.


05:00 hrs: DIVINA e MINERVA, danificadas pela queda, conseguem se encontrar com a força-tarefa improvisada, fornecendo os projetos de infraestrutura de SENTINEL. A equipe localiza as posições de ativos suscetíveis, tais como a fonte do Manifold Pseudo-Riemanniano, reatores de fusão e seus respectivos acessos.

A força-tarefa invade o piso térreo do bunker de SENTINEL com o uso de soluções explosivas improvisadas. Eles encontram resistência por parte de funcionários de segurança exibindo altos níveis de estresse; agentes de segurança que não foram neutralizados cometeram suicídio pouco antes da apreensão. Descendo aos níveis inferiores das instalações, a força-tarefa se encontra com os restos da equipe técnica de SENTINEL. Relatos preliminares indicam que os funcionários operavam sob extorsão. Tentativas de desligar os sistemas de SENTINEL por meio dos terminais são malsucedidas.

KAI começa a redirecionar recursos disponíveis para auxiliar no atrito de KIRA contra SENTINEL, permitindo aos ginóides desabilitar as medidas de segurança redundantes da instalação. A força-tarefa invade os ativos relevantes.


06:00 hrs: SENTINEL utiliza um mecanismo defensivo imprevisto para desativar momentaneamente o conjunto de IAs assim que elas se conectam ao seu bunker.

Diversos sistemas automatizados da GOC se ativam e se preparam para a destruição de instalações de contenção adicionais.

A Área-23 sofre outra brecha de contenção assim que SENTINEL desabilita parcialmente as medidas automáticas de segurança.

O Sítio-DE11, assim como outras estações orbitais, exceto a Área-CN-07-γ, começam a descer em direção à Terra, suas trajetórias voltadas para zonas de contenção de alto risco.

Canais de comunicação da Fundação são desabilitados globalmente; Procedimento Nº ████/██ garante a manutenção das informações sobre o Incidente PLANCK.


07:00 hrs: [REDIGIDO], em chamas e parcialmente destruída por causa de sua reentrada, colide com o Sítio-PT1-B, matando seus tripulantes, danificando significativamente a infraestrutura da instalação e seu entorno.

[REDIGIDO] pega fogo e se quebra durante sua descida; os detritos resultantes colidem com o Sítio-DE1, danificando significativamente a infraestrutura da instalação. Comunicações com a filial alemã foram perdidas.

A força-tarefa chega às câmaras de contenção do Manifold Pseudo-Riemanniano de SENTINEL.

SENTINEL tenta hegemonizar o controle sobre as IAs conjuntas.

A força-tarefa detona as cargas explosivas, derrubando o Manifold Pseudo-Riemmanniano e causando a destruição catastrófica dos componentes dentro. O reator de fusão que alimenta SENTINEL é desativado, unidades de energia emergenciais não podem ser ativadas devido ao estado dos sistemas de SENTINEL.

Com deficiência de hardware, SENTINEL sofre um erro fatal e desliga; espalhando fragmentos de seus sistemas pela internet.


08:00 hrs: Comunicações com o Conselho O5 são restauradas.

Procedimento Nº ████/██ é efetuado internacionalmente.

As IAs conectadas hegemonizam seu controle sobre os satélites, contendo parcialmente a influência de SENTINEL pela internet.

Os Qubits dos diferentes computadores quânticos começam a se desentrelaçar, fazendo com que cada IA e máquina afetada envolvida sofra um erro fatal, desligue e reinicie.

medium.jpg

Ajuda pós-acidente de um incêndio elétrico induzido por SENTINEL na Área-5 da Filial Polonesa.

Protocolos de desinformação de Classe Ômega de baixo impacto entram em vigor, suprimindo efetivamente o conhecimento do incidente em todo o mundo. Os danos resultantes são atribuídos a uma chuva de meteoros, erro humano e outros fenômenos mundanos provocados pelo caos internacional.

A última brecha de contenção causada por SENTINEL é resolvida. Todas as Filiais da Fundação encerram o estado de emergência e retomam o funcionamento normal. Reparos de danos estão em andamento.

A normalidade é declarada restaurada.

O Incidente PLANCK é declarado resolvido.



























ESTE ARQUIVO FOI ATUALIZADO!

VOCÊ ESTÁ VENDO ATUALMENTE UMA VERSÃO DESATUALIZADA DESTE ARQUIVO.

VERIFICANDO CREDENCIAIS.

Seu terminal foi atualizado automaticamente com a versão mais recente do arquivo.

Você gostaria de acessar a versão mais recente?

SIM

Salvo indicação em contrário, o conteúdo desta página é licenciado sob Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License