SCP-542
avaliação: +1+x

Item nº: SCP-542

Classe do Objeto: Euclídeo

Procedimentos Especiais de Contenção: SCP-542 deve ser mantido em uma sala de 8m x 8m com um pequeno banheiro adjacente, podendo enviar solicitações de móveis, exceto qualquer coisa que possa ser modificada em instrumentos cirúrgicos. Solicitações notáveis de SCP-542 incluem:

  • Uma cama queen size, sem cobertores ou lençóis, colchão nu (Aprovado)
  • Duas mesas de trabalho grandes (Aprovado)
  • Um guarda-roupa grande (Aprovado)
  • Uma seleção de casacos pesados, jaquetas de laboratório e calças (Aprovado)
  • Vários espelhos de corpo inteiro (Negado)
  • Uma seleção de suprimentos de costura, juntamente com parafusos de tecido (Aprovado inicialmente, revogado após o Incidente 542-B-03.)
  • Várias estantes grandes, cheias de textos médicos e de anatomia antigos e novos (Aprovado)
  • Um jogo de xadrez (Aprovado)
  • Cadernos de páginas em branco e vários utensílios de escrita (Aprovado)
  • Fornecimento regular de jogos de palavras cruzadas em alemão (Aprovado)
  • Pias profundas de nível industrial (Negado)
  • Lima de unha de aço (Negado. Fornecida lixa de madeira/papel em seu lugar.)
  • Cortador de unhas (Negado)
  • Acesso ao seu kit de cirurgia pessoal (Negado, exceto em casos de teste. Consulte o Adendo.)

A sala deve permanecer fechada, trancada e barrada com pelo menos dois guardas Classe D de plantão o tempo todo. SCP-542 deve ser alimentado com duas refeições por dia, entregues por funcionários Classe D e, conforme solicitação, receberá uma transfusão de sangue fresco (1 litro, qualquer tipo) por semana.

Quando SCP-542 começa a sofrer de falência de órgãos, ele pode solicitar que um órgão fresco seja fornecido, e Funcionários Médicos da Fundação irão fazer sedação e realizar a cirurgia. Apesar dos pedidos constantes, SCP-542 não pode ser permitido a realizar uma cirurgia invasiva em si mesmo, exceto em testes observados. Órgãos ou tecidos velhos e descartados devem ser coletados para teste.

Caso SCP-542 escape do confinamento, SCP-542 pode ser subjugado por altas doses de tranquilizantes ou incapacitado por meio de uma rede. Caso ele obtenha posse de qualquer faca ou caco de vidro/espelho que possa ser usado para cortar, fogo não letal é permitido.

Descrição: SCP-542 afirma ter sido, em algum momento, um humano típico de descendência caucasiana, identificando-se como alemão em nacionalidade. Esta história é apoiada pelo fato de que alemão parece ser sua língua primária, falando todas as outras línguas com um sotaque alemão. SCP-542 pede para ser chamado de "Herr Chirurg" ou "Cirurgião" pela equipe e é fluente em alemão, inglês e francês, e pode falar um pouco de polonês e italiano. Testes de QI padrão revelaram que o QI de 542 varia em torno de 150, colocando-o como de alta inteligência. Não se sabe a idade de 542; testes de diversas amostras de tecido revelaram nada. Ele afirma ter sido 'terrivelmente normal' antes do início da Primeira Guerra Mundial e afirma ter trabalhado para o partido nazista, mesmo que achasse seus objetivos 'tediosamente simples.'

Ele foi descrito como um "Monstro de Frankenstein" em aparência. SCP-542 pode esconder seus traços estranhos sob roupas pesadas, mas prefere usar apenas um bom par de calças, revelando sua forma curvada, intestino distendido, caixa torácica empenada e estrutura bizarra de braço. Sua pele é feita de pedaços de várias cores e tonalidades, alguns deles já tendo se misturado com cicatrizes enquanto outros ainda estão costurados. A estrutura óssea e muscular não simétrica revela que ele substituiu a maior parte de seu corpo ao longo do tempo e admite ter trabalhado com "ajudantes" antes para substituir coisas como partes de sua própria medula espinhal. Embora sua aparência possa mudar por meio de cirurgia, seus braços são sempre longos demais para seu corpo e suas mãos foram bastante modificadas para ter mais juntas nos dedos.

A pele é esticada sobre o rosto de 542, dando a ele uma aparência um tanto esquelética junto com a tendência de seus ossos de se projetarem através da pele. Seus dentes, deve-se notar, foram coletados de diferentes indivíduos, alguns deles nem mesmo humanos ao que aparece. Não é incomum parar ele tossir ou vomitar sangue e, como tal, requer infusões de sangue fresco aproximadamente uma vez por semana. Ele atualmente possui dois corações e múltiplos de vários outros órgãos e sistemas de órgãos. Não se sabe como 542 monitora seu corpo enquanto realiza cirurgia, mas ele relaciona isso a 'ter uma memória muito boa.'

Testes de DNA em todos os tecidos são inconclusivos e revelam DNA fragmentado. Não se sabe como ele é capaz de aceitar diferentes tipos de sangue e múltiplos órgãos sem sofrer rejeição de órgãos ou reações alérgicas, nem como ele é capaz de funcionar enquanto realiza uma cirurgia invasiva em si mesmo, mesmo ao inserir matéria cerebral extra em seu crânio. SCP-542 deve ser mantido vivo para observação e teste do processo que o mantém vivo.

SCP-542 se comporta de maneira surpreendentemente agradável na maior parte do tempo, gostando de longas conversas sobre ciência e biologia, política e longos jogos de xadrez. No entanto, quando um órgão começa a falhar ou parte de seu corpo se torna necrótica, ele sofre uma mudança drástica de personalidade, perseguindo e observando pessoas à distância. Informações adicionais sobre seus hábitos e ataques podem ser encontradas no adendo.

SCP-542 parece ter uma capacidade até então desconhecida de estar completamente ciente das funções e funcionamento de seu corpo constantemente, sendo até mesmo capaz de identificar pontos de apodrecimento ou decomposição que ele não deveria ser capaz de sentir por nenhum meio conhecido. Essa habilidade, no entanto, se estende além de seu próprio corpo. Ele pode sentir passivamente a saúde e o estado médico de outros humanos a vários metros dele, o alcance se estendendo a até aproximadamente cinco metros quando ele se concentra. Ele admite que usa esse processo, que ele mesmo não entende, para escolher suas próximas vítimas.

Adendo: Foi provado que SCP-542 foi o agressor em uma série de 45 assassinatos ao longo de três anos que ocorreram na Alemanha, Inglaterra e América, sendo suspeito de mais quinze assassinatos não confirmados neste intervalo de tempo. Ele foi observado pela primeira vez quatro anos atrás pelo Agente ████████ em ██████████, Alemanha, depois que quatro pessoas foram atacadas e tiveram músculos, tendões e ossos removidos de seus membros. Três das vítimas morreram devido à perda de sangue e choque. A quarta, ██████ █████, por acaso estava hospedada no quarto de hotel ao lado do quarto do Agente ████████, que interveio. Esse relato pode ser encontrado no Relatório de Incidente 542-A-06.

SCP-542 tem uma forte conexão com uma coleção de bisturis, lâminas, seringas e vários outros equipamentos cirúrgicos de períodos que vão desde os dias modernos até relíquias arcaicas, embora muito bem conservadas, datando da década de 1910. Ele os carrega em uma mala de couro preta forrada de veludo e modifica muitas de suas jaquetas para ter suportes para esconder e carregar o equipamento. Ele não tem permissão para acessar esta coleção, exceto durante testes e observação de auto-cirurgias.

SCP-542 também causou a morte de vários funcionários Classe D, mesmo quando não estava em teste, devido a negligência ou suposição de que certos itens podem ser 'seguros' quando usados por ele. Funcionários são lembrados de que, mesmo que sua personalidade seja agradável na maior parte do tempo, ele ainda dissecará funcionários por diversão e curiosidade, se tiver a chance. Esses incidentes podem ser analisados nos Relatórios de Incidente 542-B-01 a 542-B-11. Itens aparentemente seguros, como suprimentos de costura, o levaram a fazer mais do que uma jaqueta bem adaptada para si mesmo, resultando também em ele contendo um Funcionário Classe D costurando-o ao colchão da cama, antes de remover seus rins e uma parte do fígado.

SCP-542 mostrou estar bastante disposto a participar em certos experimentos e parece gostar de realizar autocirurgias com alguém observando, explicando o que ele está fazendo e exibindo seu conhecimento do funcionamento do corpo como se fosse um professor descrevendo um livro didático cirúrgico. Infelizmente, isso geralmente requer estar sob risco de ataque por parte dele.

Foi solicitado que SCP-542 seja mantido vivo para que o processo que permite que ele se recupere de cirurgias intensas sem rejeição de órgãos seja estudado e potencialmente copiado para uso médico. SCP-542 também pode mostrar potencial para ser usado para auxiliar em esforços cirúrgicos e de estudo, devido a sua inteligência aumentada e compulsão por dissecção. Quaisquer livros e notas escritos por ele podem ser acessados e estudados por aqueles com autorização de segurança de Classe-2 ou superior.

Atualização ██/██/20██ SCP-542 de alguma forma adquiriu conhecimento de SCP-291 e SCP-1025, e parece estar muito interessado em seu uso. Todas as solicitações para estudar ambas as anomalias devem ser negadas até novo aviso.

Relatório de Incidente 542-A-06 Agente ████████, enquanto estava hospedado no Hotel de █████ em ██████████, Alemanha, ouviu sons de uma briga e gritos do outro lado do corredor aproximadamente às 3 da manhã, horário local, momento em que ele sentiu que tinha que intervir, sem saber que ficaria cara a cara com um possível SCP. Depois de forçar a porta do quarto de ██████ █████, ele observou SCP-542 removendo os músculos e ossos da perna direita da Srta. █████. Depois que o agente disparou vários tiros, 542 fugiu pela janela e o Agente ████████ contatou as autoridades locais e uma ambulância.

██████ █████, uma turista americana que estava na cidade há apenas alguns dias, descreveu o que havia acontecido com ela enquanto se recuperava no hospital. Posteriormente, ela de boa vontade tomou os amnésticos dados a ela, preferindo acreditar que, em vez disso, ela sofreu um infeliz acidente de trânsito e que sua perna direita fora amputada.
Seu relato segue abaixo.

Eu tinha estado na Alemanha antes, então eu sabia o que fazer…e estava acostumada a pegar o ônibus. Mas acho que o vi pela primeira vez lá, eu acho, só um cara todo escondido sob jaquetas pesadas e um chapéu e óculos e, claro, eu estava desconfiada porque era verão, você sabe, um calor sufocante…e eu percebi que ele estava olhando para mim, mas eu ignorei. Ele não desceu do ônibus na minha parada, de qualquer forma, e sempre haviam outros no ônibus, mesmo tarde da noite. Acho que o vi por três dias e parei de pensar nisso… Ele deve ter me seguido para fora do ônibus naquele… naquele dia. Naquela noite.

Fui até meu quarto de hotel e não… Não me lembro… A janela estava aberta, estava tudo escuro, a luz não acendia. Achei que alguém tinha decidido roubar minhas coisas, então entrei pra ver se algo estava faltando e… e…

[[██████ █████ demonstra sinais de intenso desconforto e pede um minuto para se recompor. Isso é permitido e ela recomeça após alguns minutos.]]

Ele estava se escondendo embaixo da cama e tinha esses… braços assustadoramente longos… e os dedos… muitas articulações e ele me derrubou bem pelos tornozelos. Ele era muito rápido, e… e ele amarrou meus braços e pernas na cama, e no começo eu achei que, você sabe, que ele ia… ia… você sabe.

Ele ficava dizendo, tipo… "Não se preocupe," e "Você vai me ajudar," e "Preciso da sua ajuda…" e coisas assim, era assustador pra caralho, e ele disse que, enquanto eu ficasse quieta, ele talvez chamasse uma ambulância depois, e isso foi um pouco assustador.

Acho que realmente foi pior do que isso. Ele pegou sua jaqueta, ela estava no cabide ao lado da porta e eu nem tinha percebido… e começou a tirar todas essas facas e… todas essas ferramentas e eu simplesmente não sabia o que fazer. Então decidi arriscar e comecei a gritar o mais alto que pude. Então ele… ele…

[[██████ █████ foi autorizada a parar aqui e recebeu amnésticos e o álibi naquela noite.]]

Relatório de Incidente 542-A-15 Para obter detalhes sobre o eventual rastreamento e captura de SCP-542, consulte [[DADOS EXPURGADOS]]. Um pedido de desconfidencialização está em análise, 20██/██/██.

Nota Como de ██/██/██, SCP-542 foi movido para a Área de Bio-Pesquisa-12 a fim de auxiliar no Projeto Olympia.
"E eu quero ele de volta inteiro!" - Drª. Rights

Nota

SCP-542 de alguma forma adquiriu informações sobre SCP-291, SCP-827 e SCP-545. Uma investigação sobre a extensão do conhecimento de 542 sobre esses SCPs e como ele adquiriu esse conhecimento está atualmente sob investigação. Funcionários infratores serão disciplinados de forma adequada após uma revisão da diretoria.
-O5-██

Salvo indicação em contrário, o conteúdo desta página é licenciado sob Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License