SCP-2001-J
avaliação: +1+x
2001.jpg

Um indivíduo infectado com SCP-2001-J, durante a emissão de laser

Item nº: SCP-2001-J

Classe do Objeto: Euclídeo

Procedimentos Especiais de Contenção: Amostras de SCP-2001-J deverão ser completamente destruídas após a realização dos testes.

Descrição: SCP-2001-J é uma espécie de flora intestinal em animais, que é uma variante de Lactobacillus reuteri. Após o consumo dos alimentos contaminados por SCP-2001-J, a população nativa de Lactobacillus reuteri em um animal será substituída por SCP-2001-J. Esse processo ocorre durante um período de dois a três dias, e tipicamente passa despercebido pelo organismo hospedeiro.

Quando uma população coerente de SCP-2001-J é agitada, como pode ocorrer devido a estresses gastrointestinais, eles aderem um ao outro, um processo que é facilitado pela rápida geração de cobalamina. As bactérias SCP-2001-J se alinharão ao longo do eixo comum, durante a geração de cobalamina. Este processo faz com que uma pequena parte unicelular de SCP-2001-J se forme. Quando a agitação cessa, SCP-2001-J irá coerentemente bioluminescer ao longo do eixo perpendicular. O grau de luminescência envolvido vai em uma ordem de 3 watts por bactéria SCP-2001-J, no entanto, a luminescência geralmente termina após aproximadamente 50 milissegundos. Isso resultará em uma fonte de luz coerente e direcionada semelhante à de um laser de múltiplos quilowatts, projetado a partir da parte posterior do indivíduo infectado.

Adendo 1: A pesquisa em utilizar SCP-2001-J como um armamento da Fundação está em andamento.

Adendo 2: A primeira unidade de FTM equipada exclusivamente com as infecções de SCP-2001-J, "Esquadrão de Bundas de Lasers", foi criada para combater as manifestações de SCP-789-J.

Salvo indicação em contrário, o conteúdo desta página é licenciado sob Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License